Conecte-se conosco

Economia

Redução de ISS e mão de obra para setor de TI são temas de reunião na Câmara de Curitiba

Publicado

em

Redução de ISS e mão de obra para setor de TI são temas de reunião na Câmara de Curitiba

A diretoria da regional paranaense da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro-Paraná) e parlamentares da Câmara Municipal de Vereadores de Curitiba se reuniram para discutir políticas de fomento às atividades de inovação na capital do estado.

O projeto que reduz a alíquota do Imposto Sobre Serviços (ISS) e ações de capacitação de mão de obra esteve entre os principais pontos abordados. O encontro foi com as vereadoras Indiara Barbosa (Novo), vice-presidente da Comissão de Economia, Finanças e Fiscalização, e Amália Barbosa (Novo), presidente da Comissão de Educação, Cultura e Turismo.

O presidente da Assespro-Paraná, Lucas Ribeiro, e o vice-presidente de Articulação Política da entidade, Adriano Krzyuy, consideraram a reunião bastante produtiva. Para ambos, as parlamentares reafirmam a importância e a estratégia do setor de tecnologia da informação (TI) para o desenvolvimento econômico e social de Curitiba.

A aproximação entre a Assespro-Paraná e a Câmara de Vereadores é mais uma iniciativa da entidade em defesa da cadeia produtiva das atividades de inovação no estado. A Assespro-Paraná mantém com a Prefeitura de Curitiba, por exemplo, parceria no programa Primeiro EmpregoTech, lançado ano passado, de formação e empregabilidade de jovens em TI.

Também em 2020 a entidade atuou contribuindo com o poder público municipal na elaboração de um projeto de lei que reduz de 5% para 2,5% a alíquota de ISS incidente sobre atividades de tecnologia da informação. A Assespro-Paraná defende que parte da arrecadação seja destinada a programas de formação e capacitação continuada de técnicos e profissionais.

“Nas tratativas que tivemos ano passado com o prefeito Rafael Greca e sua equipe ficou evidente o entendimento do quanto essa redução se reverte em ganhos para Curitiba, porque estimula o surgimento e a manutenção de negócios em área tão estratégica e, principalmente, gera empregos.Acreditamos que na Câmara de Vereadores o entendimento não será diferente”, sublinha Adriano Krzyuy.

Lucas Ribeiro, que assumiu a presidência em janeiro, sucedendo Adriano Krzyuy, assinala que a atuação da Assespro-Paraná no período anterior terá continuidade e aprofundamento. “Estímulos fiscais à inovação ocorrem em vários países do mundo. É um dos pleitos que fazem parte do Planejamento Estratégico da Assespro-Paraná para o biênio 2021-2022.”

Participaram da reunião também o vice-presidente de Marketing e Eventos da Assespro-Paraná, Paulo Roberto Coimbra de Manuel, e o diretor adjunto de M&A (fusões e aquisições) em Tecnologia, Antonio Claudio Demeterco. O trabalho da Assespro-Paraná pode ser acompanhado pelo site https://www.assespropr.org.br

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Light Dark Dark Light