Lucas Mineiro espera dar a volta por cima no BRAVE CF: “Sei que ainda estou no topo”
0

Uma das estrelas do BRAVE CF, Lucas Mineiro foi contratado pela organização ainda em 2017 para ser uma das estrelas brasileiras da organização. Um dos grandes nomes do Brasil na divisão dos penas, o atleta estreou com uma grande vitória sobre Fabian Galvan, e desde lá já acumulou 5 combates no palco da organização árabe. O brasileiro que é natural da cidade de Montes Claros, em Minas Gerais, soma 2 disputas de título na organização, e 2 vitórias em 5 confrontos disputados. Referência do país no BRAVE, Lucas falou sobre a sua jornada no evento.

— A minha experiência no BRAVE é a melhor possível, é um grande evento, entrei na organização no BRAVE 3, e agora já se passaram mais de 50 edições, portanto, posso dizer que sou um veterano na organização. Sou um atleta contratado para fazer grandes lutas, as vezes foge das mãos do atleta vencer ou não vencer, mas sei que ainda estou no topo, entre os atletas da organização responsáveis por levar o nome do Brave no Brasil, e sou muito grato por todas as oportunidades que o evento já me proporcionou — declarou Lucas Mineiro.

Em sua última apresentação no cage, Lucas Mineiro acabou enfrentando Olzhas Eskaraev após seu adversário Mohamed Grabinsk ser retirado do card pela segunda vez consecutiva. Enfrentando um atleta da divisão de cima, o brasileiro acabou surpreendido no segundo round, acumulando a sua terceira derrota no palco do Brave. Apesar do resultado negativo, Lucas não se deixou abalar, o atleta que já foi apontado como uma das grandes promessas do MMA mundial soma 20 vitórias na carreira, e que já derrotou nomes como Luan Miau, Alex White e Robert Whiteford não vê a hora de retomar o caminho das vitórias:

— Meu próximo plano sem dúvida é vencer, vivo um momento delicado na organização, duas lutas por título que perdi, outra luta que peguei na categoria de cima, que acabei perdendo, mas acabei fazendo a melhor luta na edição. Agora espero voltar a vencer e continuar fazendo grandes lutas no Brave — prometeu o mineiro.

O BRAVE CF é uma das organizações de MMA mais crescem no mundo, a única verdadeiramente global realizando eventos em inúmeros países. Ganhando cada vez mais espaço na Europa, onde já é referência, o evento deve voltar a realizar eventos no Brasil em breve. Um dos atletas cotados pela organização para carregar a bandeira do BRAVE no país, Lucas falou sobre a sua responsabilidade no evento e o seu atual status dentro da organização árabe.

— Me considero um atleta diferente na organização, eles já me falaram isso também, sei que levo o nome do BRAVE aqui no Brasil, sou um dos grandes responsáveis por divulgar o evento no país. Tenho muita responsabilidade nisso de voltar a vencer que é a prioridade e colocar o meu nome e do BRAVE sempre no lugar mais alto. Tem grandes atletas no mundo, mas sei que sou um grande nome da organização e posso ajudar a elevar o nome do evento por tudo que já fiz no MMA. Então, minha prioridade agora é vencer e fazer com que o BRAVE só cresça cada vez mais — disse o peso-pena.

O atleta ainda rasgou elogios ao presidente da organização no Brasil, Marcos Ferraz, que já há algum tempo assumiu a responsabilidade de dirigir a organização no país.

— Acho que o ter o Marcos à frente das operações do Brave no Brasil foi uma grande ideia, ele tem atuado muito próximo dos atletas e traz uma forma única de ver o esporte — finalizou Lucas Mineiro.

De estilo agressivo no cage, Lucas venceu 17 de seus oponentes por via rápida, 11 por nocaute ou nocaute técnico e 6 por finalização. Sem vencer desde abril de 2018, o atleta tem afiado o seu jogo na Capital da Luta, sua academia situada em São Paulo, para voltar a vencer e mostrar todo o seu potencial no palco do BRAVE, retomando o caminho das vitórias o atleta espera receber uma nova chance pelo título.

centralrbn

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar