Entenda a importância de ficar atento às instalações elétricas da residência
0

Falta de manutenção e pouco cuidado com manuseio de aparelhos pode causar acidentes 

Encontrar tempo no dia a dia para todos os afazeres é uma tarefa quase impossível. Por isso, contamos cada vez mais com a tecnologia para automatizarmos algumas das nossas tarefas cotidianas e, assim, poder curtir um descanso merecido. 

Desde um simples cafezinho com o auxílio da cafeteira ou um robô aspirador para a limpeza da casa, os eletrodomésticos estão presentes em todos os lares facilitando a vida das pessoas. Mas já imaginou seu aparelho novinho queimar, devido a problemas na instalação elétrica da residência? Uma vez que a instalação não fica aparente, geralmente alguma irregularidade é descoberta apenas quando o dano já foi causado. Isso ocorre por diversos fatores, mas há algumas formas de evitá-los ou descobri-los antes de ficar no prejuízo.

Há alguns sinais de que a instalação da sua casa não vai bem: chuveiro e/ou geladeira dando choques, aparelhos queimam com frequência, as luzes piscam, tomadas e interruptores apresentam temperatura elevada, os disjuntores caem e os fusíveis queimam. Trate esses sinais como sintomas de que algo está errado e procure um profissional eletricista. 

Muitos problemas são causados justamente por má instalação, feita por pessoas sem a capacitação devida e usando produtos de qualidade inferior. Saiba que más condições de instalação elétrica são um grande risco para a sua segurança e de sua família, pois podem ocasionar descargas elétricas e até incêndios, caso não sejam corrigidas a tempo.

Para sanar o problema, é preciso, em primeiro lugar, levar em conta se sua residência é nova ou antiga. Residências mais antigas geralmente possuem fiação defasada, feitas sem planejamento e também subdimensionadas para a quantidade de aparelhos que usamos atualmente. Portanto, é muito importante solicitar os serviços de um profissional para que seja feita uma vistoria da instalação. Já as residências mais novas devem seguir normas NBR de segurança. Instalações que fogem da norma correm sério risco de incêndio, então providencie as manutenções necessárias.

Além disso, há outras medidas simples que podem ser facilmente tomadas para sua segurança. Elimine fios e cabos aparentes, pois podem soltar descargas elétricas. Não se arrisque a trocar chuveiros ou fazer outros pequenos reparos, caso não tenha o conhecimento devido. Não puxe aparelhos da tomada pelo fio. Tenha cuidado com secadores e barbeadores elétricos perto da água, pois podem entrar em curto-circuito ao entrar em contato um com o outro. Isso serve também para os aparelhos de cozinha e lavanderia. Uma boa dica é instalar as tomadas da máquina de lavar, por exemplo, em uma altura que evite o contato com a água. É importante também evitar o manuseio de aparelhos com as mãos molhadas. 

Seguindo essas dicas, você estará mais seguro quanto ao risco de choques elétricos e incêndios, além de que poupará dinheiro se fizer manutenções preventivas. Se você tem dúvida quanto à saúde das instalações elétricas de sua casa, não hesite em procurar um profissional. Ao lidar com eletricidade, todo cuidado é pouco!

Amanda Mathias
Atua como assessora de imprensa, redatora e Link Builder na Conversion. Escreve sobre cidades, cotidiano, tecnologia, e-commerce e cultura.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar