Diesel registra aumento em todo o território nacional e já é 46% mais caro que janeiro de 2021, aponta Ticket Log
0

De acordo com o último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), referente ao fechamento de janeiro, tanto o diesel comum quanto o S-10, registraram alta, no comparativo com dezembro de 2021. Na média nacional, o combustível fechou janeiro com o litro vendido a média de R$ 5,770, alta de 2,81%, e o tipo S-10 registrou acréscimo de 2,68%, com o valor de bomba que passou de R$ 5,676 para R$ 5,828.

“Apesar da estabilidade nos preços registrada em dezembro, o valor do diesel já vinha numa crescente neste ano, especialmente nas Regiões Sul e Sudeste. A última análise do IPTL confirma esse cenário, com a constatação de altas em todas as Regiões brasileiras que, a exemplo do Sul, chegam a 3,74%, logo no fechamento do primeiro mês do ano, reflexo também dos últimos reajustes anunciados pela Petrobras. Se compararmos o valor atual desses combustíveis com a média de um ano atrás, que era de R$ 3,930 para o comum, e de R$ 3,988 para o tipo S-10, a diferença é  de mais de 46%”, destaca Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.

A Região Norte continua liderando o ranking do diesel mais caro do País. O diesel comum fechou a R$ 5,999 e o S-10 a R$ 6,051, altas de 2,79% e 2,70%, respectivamente, comparado a dezembro.

O postos do Sudeste não ficaram entre os mais caros, mas apresentaram alta de 3,47% no valor do diesel comum, passando de R$ 5,361 para R$ 5,547; e de 3,34% para o diesel S-10, saindo de R$ 5,452 para R$ 5,634.

Já na Região Sul, o destaque para dois contrastes, mesmo com altas de 3,68% no litro do diesel comum e de 3,74% para o S-10 –  as maiores variações do País – os combustíveis fecharam com médias de R$ 5,388 e R$ 5,443, respectivamente, sendo as médias mais baixas, repetindo um retrato do último mês de 2021.

No recorte por estados, o Amazonas registrou a maior alta para o diesel comum (4,56%), R$ 5,729, ante R$ 5,479 de dezembro. O maior preço médio foi registrado no Acre, a R$ 6,393; e o menor no Paraná, com o litro a R$ 5,313.

Já a Bahia apresentou a maior alta para o diesel S10, de 4,02%, passando de R$ 5,640 para R$ 5,867. Assim como o diesel comum, o maior valor médio para o S-10 foi encontrado nos postos do Acre, a R$ 6,346; e o valor mais baixo no Paraná, a R$ 5,366.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos credenciados da Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, conta com mais de 30 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções modernas e inovadoras, a fim de simplificar os processos diários.

Compartilhe com seus amigos




centralrbn

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar