Conecte-se conosco

Estilo e Vida

Com incertezas sobre as aulas presenciais, criar um ambiente adequado para estudos em casa se tornou fundamental

Publicado

em

Com incertezas sobre as aulas presenciais, criar um ambiente adequado para estudos em casa se tornou fundamental

Atualmente muitos pais precisaram organizar a casa e encontrar um espaço adequado para o home-office, mas o cantinho de estudos para os filhos também merece uma atenção especial. Um balanço do governo de São Paulo aponta que 77 casos de Covid-19 foram registrados entre professores e alunos na primeira semana de volta às aulas. O levantamento, segundo o governo paulista, foi realizado em 4.500 instituições de ensino de todo o estado. Entretanto, há estados e municípios que não optaram pela abertura das escolas nesse momento.

Sendo assim, muitas crianças estão estudando de casa e qualquer distração ou postura errada no momento da lição e aulas online, pode acarretar problemas futuros. A arquiteta e CEO da ArqExpress, Renata Pocztaruk, que em 2020 entregou mais de 2 mil ambientes decorados em casas e apartamentos de todo o Brasil, afirma que, de fato, houve uma preocupação maior em criar espaço para os estudos dos filhos e o home-office para os pais. “Na pandemia, as pessoas começaram a olhar mais para dentro de casa e, além da repaginada em cozinha e sala de estar, diante da necessidade de estudos e trabalho, precisaram adaptar e repensar em espaços para essas finalidades”, afirma.

Pensando nisso, a arquiteta preparou quatro dicas de como o espaço destinado aos estudos precisa ser. Confira:

– O ambiente ideal:

O local precisa ser escolhido com muito cuidado, pois para as lições ou aulas online, é preciso muita concentração. Estudar na sala ou na cozinha é difícil porque é fácil perder a atenção. O local ideal precisa ser limpo, arejado, organizado e confortável, além de não ser um lugar de circulação de pessoas ou com muitas distrações.  Sendo assim, muitos preferem criar esse cantinho no próprio quarto, que acaba sendo um espaço mais reservado. 

– Cadeiras e escrivaninhas:

É preciso ficar atento ao tamanho do espaço, para que os móveis sejam compatíveis com o ambiente escolhido. Além disso, é importante ter uma escrivaninha e uma cadeira adequada que irá ajudar nas horas de estudo. Indicamos o uso das bancadas com 50cm para quem usa laptop e 60cm para quem usa desktop. Se você usa mais de um monitor, 60-70cm é uma medida perfeita para estudar. Dê preferência aos modelos de cadeiras com regulagem de altura e apoio para os braços, pois ajudam a ficar com a postura correta e evitam problemas futuros, como dor nas costas, entre outros. O apoio para os pés também é fundamental.

– Iluminação:

Esse tópico merece uma atenção especial e geralmente é a grande dificuldade de muitos pais. O espaço destinado para os estudos precisa de uma boa iluminação, de preferência com janelas, pois além da iluminação natural, a ventilação e a conexão com o ambiente externo fazem toda a diferença na rotina. A escolha da temperatura de cor da iluminação também é fundamental: luz fria acorda, ou seja: é indicada para os estudos. Para não errar, escolha a temperatura neutra ou fria!

– Aposte nos nichos e prateleiras:

Todo estudante possui muitos livros e cadernos. Sendo assim, para manter a organização e esses materiais de consulta sempre por perto, os nichos e prateleiras são fundamentais no ambiente destinado aos estudos. Assim, evitam distrações e que o estudante saia para procurá-los em outros ambientes.

Para saber mais sobre a ArqExpress, acesse: https://www.arqexpress.com.br/

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Light Dark Dark Light