Olímpico

Brasileiro preside Comissão de Regatas da Copa do Mundo da Vela, a SSL Gold Cup

Brasileiro preside Comissão de Regatas da Copa do Mundo da Vela, a SSL Gold Cup

O brasileiro Ricardo Navarro comanda as regatas da SSL Gold Cup, evento considerado a Copa do Mundo da Vela.

Nesta semana, o juiz internacional está no Lago Neuchâtel, em Grandson, na Suíça, acompanhando todas as ações das seletivas europeias e sul-americanas para as finais do Bahrein entre 28 de outubro a 20 de novembro de 2022.

O time do Brasil já está classificado e entrará direto na fase de oitavas-de-final.

A função de Ricardo Navarro é chefiar a equipe de árbitros internacionais, além de coordenar toda a parte técnica na água.

Na competição inovadora com formato de mata-mata, o mesmo das finais da Copa do Mundo Fifa, os velejadores contam com barcos iguais e se vestem como jogadores de futebol. Os juízes também, só que um fardamento que mais se parece com os oficiais da NFL no futebol americano.

Segundo Ricardo Navarro, o formato inovador da SSL Gold Cup tem tudo para ser usado nos principais campeonatos do mundo de vela. As regatas oferecem um desafio singular com oportunidades iguais para todas as equipes, que correm exatamente no mesmo barco, o SSL 47, um veleiro de alto- desempenho de 14 metros, entregue pela organização.

”É um conceito totalmente novo em uma competição entre países com barcos e equipamentos iguais para todos. No final, o fator sorte é minimizado e realmente ganha os melhores. A SSL veio para revolucionar a vela e na minha opinião deve estar nos Jogos Olímpicos em um futuro próximo”, disse Ricardo Navarro.

 

Com participações em olimpíadas, pan-americanos e campeonatos mundiais de vela, Ricardo Navarro também será o delegado técnico da vela nos Jogos de Paris 2024. O brasileiro coordenará as provas na raia de Marselha e terá sob seu guarda-chuva todos os árbitros, comunicação, parte técnica, voluntariado, locais de regata, e tudo relacionado à modalidade.

Diferentemente do que ocorre nos Jogos Olímpicos, em que a medal race (regata da medalha) premia o barco mais regular levando em conta os resultados das regatas anteriores, vencerá a SSL Gold Cup a equipe que correr mais rápido na hora da decisão. Os países serão eliminados fase a fase até a Grande Final, com apenas quatro seleções. O troféu será organizado a cada quatro anos pela Sailing Athletes Foundation (SAF).

”O evento é democrático e os países por meio de seus velejadores se classificam no ranking. A SSL oferece condições para que nações venham ao evento mesmo sem condições de trazer velejadores em formato de equipe O Brasil tem uma equipe forte e vamos ver a equipe na grande final no Bahrein, espero que a gente vença a SSL Gold Cup e o hexa no Catar”.

Vale reforçar que o Comitê Olímpico Internacional recebeu o nome do brasileiro Ricardo Navarro para coordenar a vela em Paris 2024 a pedido da World Sailing, entidade máxima da vela no mundo. O oficial de regata foi escolhido para ser o elo entre as federações do esporte o COI. Ao lado de Ricardo Navarro em Paris 2024 estará Pinar Coskuner Genç (TUR) como oficial, Ana Sanchez Del Campo Ferrer (ESP), como presidente do Júri Internacional, Jurgen Cluytmans (BEL) e Presidente do Comitê Técnico.

Katarine Monteiro
Katarine Monteiro é jornalista especializada em esportes olímpicos e em saúde. Com cobertura de grandes eventos internacionais, como Jogos Pan-Americanos em Lima 2019, Qatar Total Open 2020, Qatar ExxonMobil Open 2019 - tênis em Doha (QT), Semana de Vela de Ilhabela, Transat Jacques Vabre 2019 (França-Brasil), L'Étape Brasil by Tour de France, também já fez coberturas de natação, maratona aquática, vôlei, polo aquático, Fórmula E, vela, skate e boxe, além de eventos esportivos como assessora de imprensa, relações públicas e social media.