0

Faixa-marrom, a atleta da Nova União Marcela Giantomassi soma inúmeros títulos na arte suave. No currículo a atleta ostenta o tricampeonato do Brasileiro da CBJJ que faturou entre os anos de 2016 e 2018, o Sul-Americano Master Sul-Americano Master da IBJJF e o Rio Absoluto No Gi de 2016 entre outros títulos.

Apesar das conquistas, e do crescimento do Jiu-Jitsu feminino, Marcela acredita que ainda falta muito para que haja uma igualdade entre homens e mulheres na modalidade quando o assunto são premiações:

— Uma coisa que é muito diferente para mulheres e homens são as premiações, até entendo os eventos porque tem muito mais homens inscritos, mas mesmo assim a diferença continua sendo muito grande.

Apesar do número de praticantes mulheres estarem aumentando a cada vez mais, ainda está longe do ideal. Com luta marcada no Duelo de Titãs, Marcela foi obrigado a se retirar do evento justamente por falta de uma rival na sua categoria.

Questionada sobre as principais mudanças na modalidade desde que começar a praticar, a paulista radicada em Goiás declarou:

— Acredito que a principal mudança desde quando eu comecei são o número de meninas competindo, os números nos campeonatos subiram demais, e a cada ano só vem aumentando apesar de ainda estar longe do ideal — declarou Marcela.

Somando uma grande experiência não só nos tatames, como também nas artes marciais mistas, a lutadora já lutou em eventos como o Shooto Brasil e o Cage Fury, onde fez a sua estreia internacional. De olho em grandes conquistas em ambas as modalidades, Marcela Giantomassi falou sobre a sua principal característica como atleta de MMA:

— Meu carro-chefe é o Jiu-Jitsu, onde realmente eu me sinto muito confortável. Treino todos os dias boxe e MMA também, mas ainda assim o Jiu-Jitsu é a minha principal arma — finalizou a lutadora.

Além do Jiu-Jitsu, a lutadora permanece ativa nos treinos voltados para o MMA. A lutadora que ficou próximo de voltar ao cage em setembro aguarda por uma nova oportunidade, onde terá como se preparar em tempo hábil para o próximo combate.

centralrbn

Elismar Carrasco mantém foco no cinturão do Future MMA: “Pronto pra quem vier”

Artigo anterior

Contratações de estrelas pelo Taura MMA animam Thaiane Souza: “Se torna muito motivador”

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Lutas