O uso abusivo de drogas é uma realidade que atinge muitas pessoas e, por consequência, suas famílias e a sociedade. Pensando em como promover redução de danos e melhores condições de vida para essa população, a Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), através da Diretoria de Políticas Sobre Drogas (DPSD), oferta o Serviço de Acolhimento Residencial Transitório para 105 pessoas adultas, que fazem uso excessivo de substâncias psicoativas, encaminhadas pelos serviços socioassistenciais.

Por meio de Termos de Colaboração, firmados entre a Sempre e as organizações da Sociedade Civil (OSC’s), foram disponibilizadas vagas para homens, no serviço de moradia provisória e acompanhamento psicossocial para pessoas adultas em situação de rua, risco social e que fazem uso abusivo de álcool e outras drogas. As instituições conveniadas são a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais Leste (ADRA), Associação Sentimento Novo e Desafio Jovem.

O secretário da Sempre, Kiki Bispo, destaca que um dos desafios da pasta é implantar a política de redução de danos para pessoas vulneráveis, em uso abusivo de substâncias psicoativas, no âmbito da Assistência Social. “É uma felicidade poder, junto com essa equipe dedicada, reformular essas ações, impulsionar o que já estava sendo realizado e ampliar as atividades para dar condições de estadia, convívio, endereço de referência, segurança alimentar e atendimentos técnicos e humanizados, cumprindo assim a missão da Sempre de promover a cidadania”.

Este programa visa, ainda, propiciar o acesso dos usuários de substâncias psicoativas aos equipamentos e serviços das redes públicas de Saúde e Assistência Social; a reinserção social, ocupacional, familiar e comunitária do público alvo; e proporcionar o desenvolvimento da autonomia, a promoção do autocuidado e a saúde.

A diretora de Políticas sobre Drogas, Juliana Portela, pontua que novos passos já estão sendo pensados. “Além da manutenção das 105 vagas já ofertadas, temos a perspectiva de ampliar a oferta do serviço em mais 150 vagas com o lançamento de um novo chamamento público, a ocorrer futuramente”.

Educação Permanente – Como forma de manter a equipe atualizada para oferecer o melhor serviço à população, a Sempre iniciou o 1º Ciclo de Capacitação, realizado no último dia 29. O treinamento, voltado aos técnicos que atuam nas Unidades de Acolhimento Residencial Transitório parceiras, teve como tema “Benefícios Eventuais disponibilizados pela Prefeitura Municipal de Salvador”. Abordando outros assuntos como “Saúde Mental”, outras capacitações estão sendo programadas pela equipe técnica de referência do serviço, formada por assistentes sociais, psicólogas e equipe administrativa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.