Empresas dão cada vez mais espaço a mulheres para cargos que, antes, eram predominantemente ocupados por homens

As mulheres estão, cada dia mais, dispostas a quebras paradigmas e mostrar todo o seu potencial, em todas as áreas da nossa sociedade. No mercado de trabalho, especialmente, as mulheres têm se mostrado excelentes profissionais em todas as áreas a que propõem a sua atuação, inclusive naquelas em que a força física é necessária.

Embora as áreas de elétrica, hidráulica e construção civil ainda sejam predominantemente masculinas, uma pesquisa realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nos últimos anos, apontou um aumento de mais de 120% de mulheres atuantes nessas áreas nos últimos 12 anos.

Diversas publicações dessas áreas apontam, inclusive, a preferência de boa parte dos consumidores, por serviços prestados por mulheres, destacando sempre a organização e o cuidado com o acabamento dos serviços realizados.

O Clube do Vazamento, portal de anúncios de serviços de detecção de vazamentos, que utiliza equipamentos tecnológicos para localização de pontos de vazamentos sem a necessidade de quebrar paredes, destaca que a procura de mulheres por este mercado tem sido cada vez maior, e os consumidores têm aceitado muito bem as mulheres no mercado hidráulico de maneira geral.

“Nós possuímos anúncios de caçadores de vazamentos em todo o território nacional. Nos últimos anos pudemos perceber um aumento bem considerável da procura de mulheres para este mercado. O geofonamento, que é a tecnologia utilizada para a detecção de vazamentos, faz com que eles possam ser localizados sem a necessidade de quebrar paredes, chão, teto etc. Isso, para as mulheres que, em geral, são mais cuidadosas com a organização e limpeza, é ideal. Sem quebra-quebra, sem sujeira desnecessária e, principalmente, sem estragar paredes, pinturas e revestimentos à toa. Identifica o vazamento no lugar exato, e o elimina. Essa organização, limpeza e economia de tempo, indo direto ao local do problema, atrai muito a atenção dessas mulheres que, cada vez mais, querem oferecer um serviço de qualidade e o mínimo possível de transtornos, tanto pra elas quanto para o cliente” – Adão Lisboa XXXX, Diretor Executivo do Portal Clube do Vazamento.

Seja na construção civil, na hidráulica, elétrica, marcenaria ou qualquer outra área, as mulheres têm conquistado seu espaço e, principalmente, o respeito de todos, numa luta diária contra o sexismo e outros preconceitos que, infelizmente, ainda pairam sobre as mulheres em quase todas as áreas da sociedade.

*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe com seus amigos