Como o brasileiro Glauco Araujo encontrou seu lugar nos palcos e cinemas de Nova York
0

 

Glauco Araujo é um dançarino e ator profissional nascido no Brasil e com formação aqui nos  EUA e no Brasil. No Rio de Janeiro, Glauco dançou com a Rio Dance Company (dança moderna),  bem como com a companhia de dança inclusiva ANDEF (dança com deficientes em cadeiras de  rodas). Em 2012, Glauco representou o Brasil na cerimônia de encerramento dos Jogos  Paralímpicos de Londres. E de 2015 a 2017 Glauco atuou e dançou papéis principais na Momenta  Dance Company com um repertório que incluía Doris Humphrey, Martha Graham e Charles  Weidman, além de coreógrafos clássicos como August Bournonville, Mikhail Fokine, Jules Perrot  e Marius P

etipa; e as coreógrafas de dança inclusiva como Alice Sheppard e Ginger Lane. Na  Momenta foi criada para Glauco uma peça de dança intitulada Meloudious Marco, na qual  protagonizou o protagonista Marco. 

Glauco foi atraído por Nova York no início de 2017 e recebeu uma bolsa de estudos no Alvin  Ailey School de 2017 a 2018. Em 2018, foi dançarino destaque em Aria, dueto coreografado para  ele por Pedro Ruiz, com acompanhamento ao vivo da Camerata NY Orquestra. Glauco dançou e  atuou no ano seguinte no novo musical de Sasha Spielvogel, Come Back Once More So I Can  Say Goodbye, – uma celebração do 50º aniversário da Stonewall. O próximo papel de Glauco foi  no musical A Crossing de Joshua Bergasse, realizado com a Barrington Stage Company. 

Como o brasileiro Glauco Araujo encontrou seu lugar nos palcos e cinemas de Nova York Glauco já se associou várias vezes, desde 2018 até os dias atuais, com a premiada dançarina/  diretora alemã Severine Reisp. Seus filmes foram reconhecidos em vários festivais internacionais  de cinema: A Tango to Remember – Melhor Filme de Romance, Los Angeles Film Awards;  Melhor Cineasta Mulher, The Atman Film Festival; Vencedor do Prêmio Cinematográfico, Cyprus 

International Film Festival; Ruminate – Melhor Musical e Melhor Coreografia de Dança, Oniros  Film Awards; Melhor Musical/Dance film, Los Angeles Film Awards. 

Ruminate

https://www.youtube.com/watch?v=2rgHeVPv5OA

A Tango to Remember

https://www.youtube.com/watch?v=ak1eR591lfk

Lucid, escrito e dirigido por Juan Wang, recebeu o prêmio de Melhor Filme da Heibei  Television Artists Association. Glauco co-estrelou neste Videoclipe com a bela e talentosa atriz e  ex-bailarina do American Ballet Theatre, Elina Golde Miettinen. Mais um projeto que Glauco e  Elina colaboraram em Stop What You’re Doing (Videoclipe), dirigido por Severine Reisp. Este  videoclipe ganhou o prêmio de Melhor videoclipe no Athens International Digital Film Festival. 

Na TV, Glauco mais notavelmente teve um papel cômico em um comercial promocional para Betty in Nova York, e em janeiro passado Glauco interpretou o tortuoso Pawnbroker no The  Investigation Discovery Channel no Homicide City: Charlotte

Atraído pela cena teatral de Nova York, Glauco tem trabalhado sem parar no palco nos últimos  três anos, trabalhando frequentemente com o Triangle Theatre e The Snarks, ACC e EAG. Sua  estreia em Nova York foi como o ator principal romântico, Peter Latham, em Forty Carats de  Pierre Barillet. Sua virada cômica foi seguida por sua performance hilária como o caduco Bob  Como o brasileiro Glauco Araujo encontrou seu lugar nos palcos e cinemas de Nova YorkLamb no Museum de Tina Howe. Em uma série de performances, o alcance de Glauco cobriu o  papel cabeça quente de Ken em Red de John Logan, o doce Cornelius em The Matchmaker de  Thornton Wilder, o enganoso Morris Townsend em Ruth e Augustus Goetz em The Heiress, e o  diabólico Adolf Eichmann in Raul Wallenberg’s Saved Me. Soledad Bailada y Casi Compartida,  apresentado na Universidade de Sevilha e em turnê pela Espanha.

Glauco está entusiasmado em trabalhar ao lado dos atores da Broadway e do West End, Anthony  Newfield, Alison Fraser e Karen Archer na nova peça de Richard Alleman, Adrift, interpretando  o provocador instrutor de Zumba, Flavio. Glauco teve a honra de fazer parte de apresentações  especiais para beneficiar o Episcopal Actors ’Guild e o Cape May Stage. Com crítica no Times  Square Chronicles, “Betsy (Alison Fraser) anseia por algo mais, ao lado de interações do tipo  menos virtuoso com o belo e doce Flavio, interpretado sedutoramente pelo atraente Glauco Araujo  (Come Back once more de Spielvogel).” 

Como o brasileiro Glauco Araujo encontrou seu lugar nos palcos e cinemas de Nova YorkRecentemente, Glauco se apresentou em uma curta biografia intitulada Dance for Freedom dirigida por Severine Reisp, destacando os desafios que as pessoas de cor enfrentam hoje, e que  conquistou o reconhecimento como o primeiro ganhador da Fundação Dr. David Milch/Prêmio  CCNY em competição de curtas-metragens. Em sua crítica, a jurada Timberkly Whitfield, diretora do programa e produtora da A&E, além de apresentadora do History Channel e A&E, escreveu:  “Glauco Araujo é um lindo dançarino e você o capturou de uma forma que me emocionou muito.  Senti-me inspirada por sua história de que mesmo diante do racismo ele não se vê como uma  vítima. Fortes valores de produção. Você marcou todos os pontos – FANTÁSTICO! ”

 

centralrbn

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar