0

Você se lembra quando foi a última vez em que lavou o travesseiro? Pois saiba que é importante saber que, além das fronhas e lençóis, os travesseiros também precisam estar impecáveis para uso, pois acumulam muitas sujidades, como suor e poeira.

“O ideal é lavar o travesseiro a cada seis meses, isso evita a proliferação de bactérias que podem causar alergias. Esse período de lavagem é porque o uso da fronha evita o contato direto da pele com o travesseiro. Com relação às fronhas, o ideal é que sejam trocadas toda semana para não proliferar bactérias, fungos e ácaros”, alerta Alexandre Diniz, diretor e especialista em higienização da Quality Lavanderia.

O especialista comenta que seguir com os cuidados em casa requer muita atenção com as regras estabelecidas pelo fabricante na etiqueta. “O cuidado com a lavagem é essencial, porque cada tipo de travesseiro requer um processo, alguns materiais podem ser lavados na máquina, outros a mão ou a seco”, alerta.

De acordo com o especialista, a lavagem profissional é a mais indicada para todos os tipos de travesseiro. “Na lavagem com profissionais, além do uso de produtos mais indicados, a lavagem a seco garante uma limpeza eficaz com menor impacto no material. Além disso, a lavagem profissional evita o risco do travesseiro mofar ou ficar com odores caso não seja completamente seco, fator que pode ocorrer no processo de lavagem doméstico”, conclui.

centralrbn

Libra, projeto de Zeh Monstro com vocalistas femininas, ganha novo single “Flakey Town”

Artigo anterior

Rafael Portugal lança “Te Dar a Flor”, em parceria com Onze:20

Próximo artigo

COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar