Colágeno e sua contribuição na hora de fazer exercícios

 

Apesar de ser famosa no combate contra rugas, a proteína também guarda uma série de outros benefícios para o corpo

O corpo humano necessita de diversas proteínas para se manter em pleno funcionamento diariamente. Elas são responsáveis por auxiliar em diversas questões que variam desde muito complexas, como a prevenção de doenças, até mesmo algumas bastante simples, como o movimento muscular.

O colágeno é uma destas proteínas de que o corpo necessita. Sua função, apesar de parecer somente estética, que seria ajudar na elasticidade e rigidez da pele, vai muito além disso, auxiliando na saúde óssea, muscular, e até mesmo, nas articulações.

Ela está presente em 25% do corpo humano, entretanto, precisa estar sempre sendo reposta, por isso que vários nutricionistas e médicas, acabam indicando suplementos de colágeno, principalmente em pó, para seus pacientes.

A falta de colágeno pode se relacionar diretamente com deficiências nutricionais, aumentando o risco de doenças, infecções e uma queda de imunidade para a recuperação da saúde. Além disso, também pode resultar em fadiga, desânimo, cansaço, alterações de humor e redução significativa na qualidade de vida.

Por isso que manter a quantidade de colágeno em dia, junto com atividades físicas, pode ajudar na prevenção, e tratamento, de doenças degenerativas ósseas e articulares. Além disso,  estímula a matriz de tecidos conjuntivos, o que melhora a estrutura e capacidade de carga do indivíduo durante o exercício, ou seja, aumenta a sua performance.

A partir dos 30 anos, estudos comprovam que a perda da proteína por ano chega a 1%, por isso buscar alternativas para recuperar o que foi perdido, principalmente em caso de pessoas que realizam exercícios físicos, é essencial para quem não quer ter problemas futuros, principalmente os musculares.

Neste ponto, os suplementos alimentares que contém este tipo de proteína, podem ajudar bastante na prevenção de doenças provenientes desta deficiência. Uma alimentação balanceada pode ajudar no combate a perda acelerada de colágeno do nosso organismo conforme a idade.

Por isso, uma alimentação rica em aminoácidos como frango, peru, peixes, além do leite e seus derivados, ajudam bastante nessa reposição. Também é essencial se enriquecer de vitaminas E, C e A, e manter uma exposição constante, porém controlada, aos raios de sol, também pode ajudar a repor todo o material perdido.

Estabelecerr este tipo de comportamento ajuda, não somente a evitar a perda de colágeno, mas também na prevenção de uma série de outras doenças que podem gerar desconforto ao longo dos anos. Pois conforme mais velhos vamos ficando, ficamos cada vez mais suscetíveis a doenças deste tipo, portanto o segredo é sempre se cuidar.

Amanda Mathias
Atua como assessora de imprensa, redatora e Link Builder na Conversion. Escreve sobre cidades, cotidiano, tecnologia, e-commerce e cultura.