Argentino Diego Torres reencontra a Chapecoense e revela expectativa para a estreia do Novorizontino como mandante na Série B
0

Dois jogos e dois empates como visitante diante de Vila Nova e Londrina. Essa é a arrancada do Novorizontino na edição de 2022 da Série B. Nesta terça-feira, às 19h, a equipe paulista fará a sua estreia perante a sua torcida em duelo diante da Chapecoense, que também está invicta na competição nacional.

Pelo lado do Tigre, um jogador em especial conhece bem o próximo rival. Trata-se do meia argentino, Diego Torres. Ele chegou ao futebol brasileiro justamente em 2018 para defender a Chapecoense na Série A. De lá para cá, o “gringo” já soma 159 partidas no futebol brasileiro, sendo 45 delas pela Chape. “A Série B não tem jogo fácil. Será o nosso primeiro jogo dentro de casa. Esperamos fazer um grande jogo para conquistarmos nossa primeira vitória na competição. Conheço bem a Chapecoense. Vivi momentos especiais lá, mas fui muito bem recebido no Novorizontino e isso ajudou a minha rápida adaptação. Espero retribuir todo esse acolhimento”, declarou o meia que participou das duas partidas do clube paulista na Série B.

Além da Chapecoense, Diego Torres também defendeu no Brasil as cores do CRB. No clube alagoano disputou a Série B de 2020 e 2021. Ele tem números incríveis na competição nacional e já soma 27 participações em gols. A expectativa do meia é melhor ainda mais as suas estatísticas. “Estou sempre procurando evoluir. Trabalhei com Allan Aal também no CRB e ele me conhece bem. A cada ano estipulo como meta melhorar o que fiz na temporada anterior. Tenho estilo de jogo de sempre servir os meus companheiros com assistências, uma boa bola parada, além de sempre pisar na área para concluir”, finalizou.

 

centralrbn

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar