Selo latino americano, Electric Funeral Records, lança coletânea antifa com 15 bandas brasileiras

O selo latino americano Electric Funeral Records acaba de lançar a nova coletânea Delírio Comunista. O projeto que conta com 15 bandas nacionais já está disponível em todas as plataformas de streaming e em breve será lançado em material físico.  

 

 

 

A capa da coletânea foi ilustrada pelo artista e músico Rodrigo Neves (vocalista e guitarrista do Tigersharks). “Eu sempre pirei no visual das coisas, ficava desenhando espada e moto o dia inteiro quando criança. Trabalho como ilustrador, designer e diretor de arte há 6 anos, quando resolvi levar um pouco mais a sério essa parada. Sempre tento trazer uma inspiração pessoal para os meus trampos, que vão desde quadrinhos e filmes de terror até shapes de skate antigos e arte lowbrow.“ comenta o ilustrador.

 

Electric Funeral Records conta com mais de 100 lançamentos entre digital e prensado, sendo um dos selos de maior destaque do mercado latino americano, pelo ótimo alcance dos seus lançamentos e por suas parceiras com selos de vários países que vão desde América do Sul, Europa, EUA e Oriente Médio.Com lançamentos nas plataformas digitais, k7, cd e vinil, o selo possui uma rede de distribuição internacional que conta com mais de 15 países, playlists com grande alcance e entra em 2022 com planejamento  de tours, festivais e lives.

As bandas que queiram enviar sua música, devem mandar seu material para o e-mail: electricfuneralrecordsbands@gmail.com

*Todos os artigos publicados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não expressam a linha editorial do portal e de seus editores.

Compartilhe com seus amigos