0

Conheça as atitudes que tem o poder de te desclassificar na hora da contratação

A ansiedade é uma condição que muitas pessoas se encontram diariamente. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o Brasil é o país com o maior número de pessoas ansiosas no mundo. Brigas na família, problemas de relacionamento, momentos de tensão como dias de provas importantes ou problemas no trabalho, são alguns dos exemplos que podem levar as pessoas a se sentirem mais ansiosas.

Com relação ao trabalho, a ansiedade pode acontecer de diferentes formas. Uma delas, é na hora de fazer uma entrevista de emprego. Ser entrevistado pode ser um dia de muita tensão quando as pessoas não se sentem bem preparadas. O que fazer? O que não fazer? Na hora da reunião, até um chacoalhar de perna pode ser crucial na decisão da contratação. Segundo Madalena Feliciano, gestora de carreira e especialista em recolocação profissional, “É comum as pessoas ficarem nervosas e ansiosas na entrevista de emprego. Por isso, na hora de se preparar, também é importante saber o que não se deve fazer para evitar o ‘não’”.

Para se planejar adequadamente e saber como se portar perante o entrevistador, Madalena Feliciano reuniu algumas dicas do que não fazer na hora da entrevista de emprego.

Não cite o seu currículo: O seu entrevistador certamente já olhou a sua ficha curricular. Por isso, não é necessário lê-la novamente para ele. “Se você está sendo entrevistado, alguma de suas qualidades foram relevantes à vaga, qualidades essas que o responsável pela contratação já está ciente. Na hora de falar sobre si mesmo, por exemplo, cite coisas novas ou complementares às que estão já inseridas no currículo”, explica Madalena.
Não chegue sem saber nada sobre a empresa: Conhecer o seu empregador é de vital importância para ser um bom funcionário. Os valores, a Missão e a Visão são elementos importantes também na hora de se apresentar.
Não se atrase: Quando delimitado um horário para a entrevista de emprego, se organize contra imprevistos. “Mostrar pontualidade é uma boa qualidade que se deve levar sempre. Pontualidade, entretanto, também não significa chegar 1 hora adiantado, 20 minutos antes da entrevista é o ideal”, comenta a empresária.
Não minta no currículo: Parece óbvio, mas muitas pessoas mentem na hora de se apresentar pelo papel. Colocar cursos extras, idiomas fluentes que não são, é uma atividade mentirosa e falsa. Além da vergonha de não saber fazer algo que você disse que sabia, o ‘não’ é certo. Ninguém contrataria uma pessoa que mentiu já no primeiro contato.

Na entrevista de emprego, é importante ser 100% sincero e honesto. Mostre as suas verdadeiras qualidades na sua melhor versão. Ser você mesmo garante uma boa probabilidade de contratação.

Madalena Feliciano

Gestora de Carreira e Hipnoterapeuta

(11) 2737-1685 e 9 47706543

https://madalenafeliciano.com.br/

https://www.instagram.com/madalenafeliciano/

https://www.facebook.com/madalena.feliciano1

https://www.linkedin.com/in/madalenafeliciano/

madalena@ipcoaching.com.br

www.ipcoaching.com.br

www.outlierscareers.com.br

Rua Engenheiro Ranulfo Pinheiro Lima, nº 118, Ipiranga/SP.

centralrbn

Confira dicas de saúde para tornar a vida dos idosos mais ativa e saudável

Artigo anterior

Cacau cultivado no oeste baiano tem alta produtividade e já chega às prateleiras dos supermercados

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Notícias