0

A iniciativa levou 15 artistas visuais para pintar os muros de cooperativa, além de produzir e distribuir conteúdos educativos e culturais, no formato digital, para cooperados e suas famílias

Nos dias 23, 24 e 25 de outubro, a Cooperativa Acrepom, localizada no bairro São Joaquim, recebeu o evento Pimp Nossa Cooperativa. Promovido pelo projeto Pimp My Carroça – iniciativa que busca desde 2012 tirar catadores e catadoras de materiais recicláveis da invisibilidade, por meio de ações que se utilizam, sobretudo, do graffiti – e patrocinado pela WestRock, a ação teve como objetivo promover o acesso à arte e a integração entre os catadores e suas famílias, além de realizar melhorias na cooperativa.

Com o objetivo de atender os protocolos de segurança e distanciamento social, em decorrência da pandemia do coronavírus, o evento foi adaptado: além de ser fechado ao público, a programação deu lugar à produção de conteúdos educativos e culturais, que foram distribuídos para os cooperados e suas famílias, por meio de grupos no whatsapp.

“O Pimp Nossa Cooperativa é por si só uma ação de cuidado: com as cooperadas e cooperados e com o local onde elas e eles trabalham. Isso porque além da melhoria estética e visual, a proposta traz dignidade e desperta a vontade de rearrumar os espaços de trabalhos das cooperativas. Nesta edição, tendo em vista o contexto da Covid-19, o cuidado é redobrado: todo o ambiente foi constantemente pulverizado, distribuímos luvas, máscaras, garrafas personalizadas e individuais de água, álcool em gel, além de mantermos o distanciamento de pelo menos 1 metro entre pessoas da equipe e artistas”, aponta Annibal Lima, produtor artístico do projeto.

“Para nós, da WestRock, cuidar da nossa gente e do nosso planeta é uma questão de responsabilidade. Iniciativas como o Pimp, conscientizam e educam sobre a necessidade da coleta seletiva e seu papel para um mundo melhor, via economia circular. Os profissionais da coleta e da reciclagem, são fundamentais para que resíduos voltem para economia, reduzindo o descarte em aterros, um dos problemas ambientais em nosso país. Além disso, a Cooperativa proporciona aos catadores dignidade, oferecendo cuidado, visibilidade sobre o seu valor na cadeia e aumento de renda, e este projeto da Pimp minha Cooperativa adiciona ainda um ambiente melhor, mais acolhedor e alegre”, afirma Cynthia Wolgien, diretora de Comunicação Corporativa e Sustentabilidade WestRock.

Nos dias da ação, 15 artistas, como as grafiteiras de Araçatuba Yasmin Yokota e Júlia Redcap, se revezaram para colorir os muros da cooperativa constituindo uma verdadeira exposição a céu aberto. O projeto visou, ainda, melhorias na cooperativa, como a pintura de sinalização de segurança do trabalho, além da doação de um totem de álcool em gel para o local e da distribuição kits com máscaras, álcool em gel e vale-refeições, no valor de R$80,00, para que os cooperados utilizassem na compra de alimentos.

O evento foi criado em 2017, e já passou por cidades como São Paulo, Salvador e Recife. “A ideia central do projeto é promover um mutirão artístico em cooperativas de reciclagem. Para isso, convidamos artistas visuais que, por meio do grafite, chamam a atenção para o importante trabalho realizado pelos catadores e catadoras. A estimativa, de acordo com o MNCR (Movimento Nacional de Catadores de Recicláveis), é de que existam cerca de 1 milhão de catadores no país, responsáveis, segundo o IPEA, por 90% do que é coletado nacionalmente, sendo que, de acordo com a Pesquisa Ciclosoft, realizada pelo CEMPRE (Compromisso Empresarial de Reciclagem), 83% da população não tem acesso à coleta seletiva”, explica Carolina Pires, coordenadora do projeto.

Desde 2017, primeiro ano de projeto, 307 artistas pintaram mais de 6.800 mil m² de murais artísticos inéditos e autorais com a temática da reciclagem, meio ambiente e sustentabilidade. Ao todo mais de 400 cooperados foram beneficiados, com a participação de 418 voluntários e diversas atividades culturais.

O projeto é uma iniciativa do Pimp My Carroça, movimento que visa criar visibilidade social e remuneração mais justa para catadores e catadoras de materiais recicláveis, e conta com o patrocínio da Westrock, firmado via Lei Rouanet – PRONAC.

Sobre o Pimp Nossa Cooperativa

O Pimp Nossa Cooperativa é um projeto de revitalização das cooperativas de reciclagem. A iniciativa promove as pinturas de murais artísticos por artistas visuais atuantes na região, além de programação cultural gratuita para os cooperados e suas famílias. O projeto é uma realização do Ministério da Cidadania, com patrocínio da Novelis, por meio da Lei Rouanet. Mais informações: pimpnossacooperativa.com

Sobre o Pimp My Carroça

Movimento que trabalha, desde 2012, para tirar catadores de materiais recicláveis da invisibilidade por meio da arte, sensibilização, engajamento e participação coletiva. Até o momento, já foram beneficiados 1.706 catadoras e catadores, com a participação de 1.055 artistas, 2.243 voluntários em cerca de 50 cidades de 14 países diferentes, como Bogotá (Colômbia), Casa Blanca (Marrocos), Nova Iorque (EUA), Lima (Peru), Pristina (Kosovo), Recife (Pernambuco), Manaus (AM) Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Brasília (DF), Salvador (BA) e Curitiba (PR)

Mais informações: http://www.pimpmycarroca.com

Sobre a WestRock

A WestRock desenvolve e apoia projetos com foco em educação há mais de 25 anos, beneficiando professores e alunos da rede pública de ensino do nosso país. A WestRock oferece soluções sustentáveis em papel e embalagens. São 50.000 funcionários que apoiam os clientes ao redor do mundo em mais de 320 operações e escritórios na América do Norte, América do Sul, Europa e Ásia. www.westrock.com.br

centralrbn

Covid-19 pressiona Reino Unido a seguir lockdowns de França e Alemanha

Artigo anterior

Pelegrino reconhece sentença de Corte Interamericana a favor de trabalhadores baianos

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Cultura