0

O coletivo I Hate Flash atua há mais de dez anos no mercado audiovisual, na cobertura de shows e eventos nacionais e internacionais, além de criar conteúdo para grandes marcas e artistas. O Music XP, é um portal de música e experiências online, que tem como objetivo compartilhar conhecimento por meio de masterclasses que envolvem os mais diferentes temas do mercado da música. Os dois uniram suas expertises e criaram as “I Hate Classes”, uma série de cursos online, ministrados pelos profissionais do I Hate Flash.

“O I Hate Flash é uma marca que as pessoas têm grande desejo de ouvir e nós gostamos muito de ensinar o que sabemos. Em nossas redes sociais, os conteúdos com dicas são os que mais engajam. Então, vimos na parceria com a Music XP uma oportunidade de oferecer isso para quem tem interesse e, ao mesmo tempo, ter um novo modelo de negócio dentro do universo da música, do qual fazemos parte há muitos anos”, conta Francisco Costa, um dos sócios do IHF.

Duda Beat

A masterclass que acaba de ser disponibilizada no site é sobre ‘Fotografia na música’, com uma das maiores referências no mercado, Fernando Schlaepfer, fotógrafo e fundador do I Hate Flash. Nela, são abordados temas como conceito, tratamento, retoques, inspirações, narrativas, gifs e detalhes de shooting. “É um privilégio muito grande poder trabalhar com duas das coisas que mais gosto nessa vida. Fotografar música cria uma sinestesia que não consigo expressar com palavras, então o jeito é criar imagens para isso”, diz Schlaepfer.

O fotógrafo começou a atuar aos 15 anos, registrando amigos andando de skate e, ainda durante o colégio, entrou no universo da música, clicando bandas punk e hardcore. Daí em diante não saiu mais do meio, cobrindo festivais pelo mundo todo. Schlaepfer também trabalhou para grandes marcas como Farm, L’Oreal e Coca- Cola, além de ter feito parte da equipe de criação da Globo.com. Hoje, os trabalhos do fotógrafo transitam pela música, eventos e marcas, sempre com a criatividade e inovação que lhe são tão características.

Gilberto Gil

Outra masterclass disponível no site é sobre “Influencer Digital”. Em sete módulos, o diretor de projetos especiais do IHF, Léo Andrade, mostra como fazer diferente nas redes sociais. “Esse curso é uma adaptação de um workshop que faço para influenciadores que trabalho paralelamente. Para quem atua no mercado da música, ele vai ajudar a promover o próprio trabalho, capitalizar as redes sociais e potencializá-las”, comenta o profissional.

Léo Andrade atua há 13 anos no mercado publicitário com planejamento estratégico para grandes marcas. Com prêmios no Festival de Cannes e Effe Awards, ele tem como característica mesclar inovação no universo digital com relevância para as marcas. “Acredito em influência com propósito. Só postar fotos bonitas não dá um poder de relevância grande. Então o curso é uma jornada para que as pessoas encontrem o que há de relevante dentro delas para que possam transmitir isso conscientemente. Assim, elas terão um material consistente e real”, explica Andrade.

Ney Motogrosso

Em breve, mais cursos estarão disponíveis na plataforma da Music XP. Entre eles, está o “Captação de artistas”, com Fernanda Tiné, que foi fotógrafa da cantora Pabllo Vittar e viajou com a artista por todo Brasil durante um ano. Ela mostra como captar a essência dos artistas, ser responsável pela estética e identidade visual deles. Na área de “Captação de experiências”, a fotógrafa Bléia Campos e a cinegrafista Karen Carvalho abordarão a sutileza de registrar momentos marcantes das vidas das pessoas, comunicando através de um clique emoções e lembranças.

centralrbn

“ACÚSTICO SAMANTHA MACHADO”, O ÚLTIMO EP. DO ANO, TRAZ RELEITURAS DE SEUS HITS MAIS TOCADOS EM 2020

Artigo anterior

Personalização ajuda PC Gamers a usufruir do melhor da tecnologia

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Notícias