Como cuidar das roupas para aumentar a vida útil de cada peça

Cuidados na hora de lavar e guardar já fazem toda a diferença na conservação

Quem nunca perdeu uma roupa amada por lavar ou secar a peça incorretamente? Além de ser uma situação muito desagradável, esse tipo de prática pode estragar completamente o tecido, ou pelo menos diminuir a sua vida útil, gerando mais custos para a compra de um item novo, além de ser ruim para o meio ambiente por adiantar o descarte da roupa.

Por conta disso, é sempre válido tomar alguns cuidados para aumentar a vida útil da peça, permitindo que ela seja usada por um maior período de tempo. O descarte excessivo é um problema grave para o meio ambiente, especialmente quando combinado com a falta de práticas de reciclagem. Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Têxtil (Abit), no Brasil são geradas 175 mil toneladas de resíduos têxteis por ano, sendo que apenas, aproximadamente, 36 mil toneladas são reaproveitadas de alguma forma, com o restante indo para aterros sanitários e lixões.

Alguns cuidados simples no dia a dia já são suficientes para fazer com que o item dure por vários anos, mantendo a cor e a textura do tecido, sem a necessidade de ser descartado com pouco tempo de uso. Confira algumas dicas.

Siga as instruções da etiqueta

Ler e entender as informações contidas na etiqueta da roupa é uma das maneiras mais eficientes de garantir a durabilidade da peça. Nesse espaço constam informações importantes como cuidados na hora de lavar a roupa, produtos que podem ser usados, temperatura da água e tipo de secagem recomendados, para garantir que a peça se mantenha bonita com o passar do tempo. Ali também está descrito se a peça pode ser passada com um ferro de passar roupas, ou se isso pode danificar o tecido.

Cuidados na hora de lavar

Além de seguir as instruções presentes na etiqueta de cada peça em relação à lavagem, é possível tomar alguns cuidados extras na hora de colocar as roupas na máquina de lavar. Separar peças coloridas, pretas e brancas evita que as roupas saiam da lavadora de roupas cheias de manchas. O tipo de tecido também deve ser levado em consideração, sendo que roupas mais finas devem ser lavadas à mão ou colocadas dentro de um saquinho para lavar roupas, evitando que a peça seja esticada durante a lavagem.

A capacidade máxima da máquina deve ser sempre respeitada, já que colocar roupas demais em um único ciclo de lavagem pode prejudicar a limpeza das peças e aumenta a chance de que as roupas fiquem enroscadas dentro da máquina.

Armazenando corretamente

Outro ponto que afeta a durabilidade das peças é a maneira como elas são guardadas no armário. Na hora de organizar as roupas, é importante levar em consideração o tipo de tecido, peso do item e frequência de uso. Vestidos de festa e casacos pesados devem ser guardados dentro de sacos de roupa e pendurados no cabide, já que não são usados frequentemente.

As peças de tricô e lã também merecem atenção, já que devem ser dobradas e guardadas de forma empilhada. Não é recomendado deixar esse tipo de peça no cabide, já que o peso do tecido pode deformar o item e deixá-lo com a marca do cabide, criando um efeito esticado.

Amanda Mathias
Atua como assessora de imprensa, redatora e Link Builder na Conversion. Escreve sobre cidades, cotidiano, tecnologia, e-commerce e cultura.