Conecte-se conosco

Saúde

Combate à gripe: imunização deve ocorrer mesmo em cenário de pandemia

Publicado

em

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, iniciada no dia 12 de abril em todo o Brasil através do Sistema Único de Saúde, também já se encontra na rede particular desde o início do mês. A imunização contra este vírus que não é comum inicia simultaneamente com o aumento do risco pela sua infecção que se inicia o outono.  

Embora a imunização contra a gripe não combata a Covid-19 diretamente esta imunização pode: diminuir idas ao hospital, absenteísmo ao trabalho e escola, complicações respiratórias e até morbimortalidade. Aumentando consequentemente a imunidade e a qualidade de vida.

De acordo com o infectologista dr. Igor Brandão, a vacinação contra a gripe deve ser valorizada ainda mais na pandemia.

“O quadro clinico da infecção respiratória pelo vírus da influenza ou Covid-19 pode ser imperceptível. Incrivelmente existem alguns relatos científicos de coinfecção pelas duas doenças simultaneamente”, explica o especialista que também enfatiza: “Não há comprovação de que a vacina contra a Influenza possa reduzir a infeção pela Covid-19, mas sim, quanto redução as suas complicações. Optando pela prevenção é importante que todos estejam atentos ao intervalo mínimo de 14 dias entre a vacina contra a gripe e a que combate a Covid-19”.

Quem deve se vacinar? 

Todos população, principalmente as crianças, grávidas, puérperas, idosos e portadores de comorbidades. Estando contra indicado a vacinação aos menores de 6 meses e os indivíduos com alergia grave a vacina. 

A vacinação da rede privada contém uma cepa a mais em relação a disponível no SUS: a cepa B, que circula em todo o mundo. Embora cause doenças em todas as faixas etárias, a incidência relativa da cepa B aparenta ser maior em crianças e adultos jovens.

Com a pandemia do coronavírus, as orientações não mudam, e deve-se reforçar a higiene das mãos, uso correto das máscaras e distanciamento social. Sendo a imunização a arma secreta da medicina moderna preventiva.

DNA Laboratório prepara unidades para vacinação 

O DNA Laboratório contará com atendimento presencial através de agendamento, domiciliar e com sistema drive-thru, este último será feito na unidade do Rio Vermelho. Os interessados em solicitar atendimento domiciliar ou agendar horário para o atendimento presencial podem entrar em contato através do telefone: (71) 3032-7100. Será permitida a entrada de um acompanhante quando necessário. O DNA Laboratório também oferece agendamentos de vacinação para condomínios, empresas e associações.

O serviço de imunização do DNA Laboratório conta com consulta de vacinação e triagem individual do cliente. Os que desejam buscar mais informações sobre preços podem entrar em contato com o laboratório.  

Para mais informações, acesse: www.dnagenetica.com.br.  

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda PODCAST RBN

TENDÊNCIA