Após gol em reestreia pelo Santa Cruz, Alemão reforça sua identificação com o clube e opina sobre grupo 4 da Série D: "Embolado"

O último domingo foi especial para o zagueiro Alemão. Isso porque ele foi decisivo para a vitória do Santa Cruz por 2×1 diante do CSE no estádio do Arruda. Foi dele um dos tentos que garantiram os três pontos ao tricolor pernambucano. Vale destacar que a partida marcava a reestreia do defensor com a camisa do Santinha e em 2014, na sua primeira passagem, Alemão também estreou com gol, na vitória de 2×1 diante do Bragantino pela Série B.

Com histórico de acesso pelo Santa Cruz e 63 jogos pelo tricolor, Alemão reforçou o seu carinho pela equipe pernambucana. “Nasci para brilhar com essa camisa. Foi muito especial logo na reestreia fazer um gol tão importante. O Santa Cruz é um clube que eu tenho um carinho e respeito enorme. Estou muito feliz com esse retorno. Me sinto em casa no Arruda”, admitiu o zagueiro de 35 anos.

Após seis rodadas disputadas, o grupo 4 da Série D está bastante equilibrado. A diferença do líder da chave, o Asa, para o lanterna, o Sergipe, é de apenas cinco pontos. O Santa Cruz ocupa o quinto lugar com sete pontos e volta a campo neste domingo, às 16h, fora de casa, contra o Sergipe. Um sucesso como visitante colocará o time comandado por Marcelo Martelotte no G4. “Não dá para projetar nada nesse grupo. Tudo está muito embolado. Uma vitória te coloca lá em cima e uma derrota faz você despencar. Temos mais um confronto direto, agora fora de casa. Será um jogo duro, mas estamos cientes que temos condições de buscar um resultado muito bom e, com isso, entrarmos na zona de classificação para a próxima fase”, finalizou.