Conecte-se conosco

Clip

Aline Happ, do Lyria, lança releitura de Sad But True

Publicado

em

Uma das músicas mais populares do Metallica, Sad But True ganha uma releitura de Aline Happ, cantora conhecida por seu trabalho à frente do Lyria. Inspirada no metal sinfônico, a versão de Aline conta com corais e orquestras, além de uma técnica vocal diferenciada. O vídeo para a canção nos remete a uma atmosfera misteriosa, utilizando de simbologias presentes em histórias de horror.

“Essa música está ligada ao inconsciente, ao bem e ao mal, a pensamentos obsessivos, culpas, arrependimentos, rancor e diversos sentimentos negativos que precisam ser canalizados de alguma forma. Trouxe símbolos diversos, símbolos do terror de nossas próprias mentes. O fantasma representa os pensamentos que nos assombram, assim como a bruxa. Enquanto o vocal mais rasgado, representa o escárnio e o sermão, o lírico traz a ideia de algo mais distante e inalcançável, uma voz ecoando dentro da sua cabeça.”, explica Aline Happ.

Além das simbologias mencionadas por Aline, o véu também ganha destaque na história do vídeo para “Sad But True”, evocando a imagem de uma figura sagrada que nunca mostra diretamente o rosto. A cor preta remete ao misticismo, como também ao profano e ao sombrio. Aline Happ salienta que a ideia foi trazer um símbolo sagrado às avessas. Também utilizando as pérolas na coroa como uma representação da pureza, purificação e perfeição.

Presente no clássico álbum “Metallica”, conhecido como “Black Album”, de 1992, a música “Sad But True” marca uma nova afinação e portanto, uma nova fase, na carreira da banda americana de metal. De acordo com James Hetfield, líder e vocalista do Metallica, a temática da música foi inspirada no filme “Magic” (1978), em que um ventríloquo é dominado por um boneco incorporado pelo mal. A letra também pode estar ligada à criação religiosa de Hetfield, tornando-se mais uma das músicas da banda que critica a manipulação feita por políticos, religião, entre outros.

Conheça Aline Happ

Conhecida mundialmente por seu trabalho como líder, vocalista e compositora do Lyria, Aline Happ é hoje uma das vozes mais famosas do metal brasileiro. Em seu projeto solo, a artista promove releituras Gothic/Folk/Celtic de canções do rock e do metal mundial que estão disponíveis em seu canal no YouTube. Graças ao apoio dos fãs, a cantora arrecadou mais de 200% da meta do financiamento coletivo para o seu disco solo de estreia, que será lançado ainda neste ano.

Os vídeos postados no canal de Aline Happ contam com o apoio de fãs no Patreon e no Padrim. Conhecidos mundialmente, o Lyria é uma banda carioca fundada em 2012 por Aline Happ. De lá pra cá, o grupo lançou dois discos com apoio de crowdfunding, Catharsis (2014) e Immersion (2018) e tocou em diversas cidades brasileiras como Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, São Paulo, entre outras.

Assista “Sad But True”: https://youtu.be/Ofng1AM4_to

Acompanhe Aline Happ

Facebook: https://www.facebook.com/alinehapp

Instagram: https://www.instagram.com/alinehapp/

YouTube: https://www.youtube.com/alinehapp

Spotify: https://bit.ly/alinehappspotify

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda PODCAST RBN

TENDÊNCIA