Conecte-se conosco

BA

Sema oferece curso on-line em Formação Política e Gestão Ambiental

Publicado

em

Governador anuncia início das inscrições para 200 mil vagas em cursos de qualificação profissional

Gestores municipais em Meio Ambiente dos 417 municípios baianos poderão participar, de forma gratuita, do curso on-line em “Formação Política e Gestão de Meio Ambiente”, oferecido pela Secretaria do Meio Ambiente da Bahia (Sema), por meio da Superintendência de Políticas e Planejamento Ambiental (SPA) e do Programa de Formação em Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Formar). Cada município terá direito a três vagas. No formato de educação on-line será possível atender a todos os municípios, em períodos alternados. A primeira turma terá as aulas ministradas em três semanas, ao longo dos meses de abril e maio, com carga horária total de 60 horas. As inscrições podem ser feitas neste link.

“O curso integra as ações de gestão socioambiental, de forma inovadora e participativa, com o objetivo de fortalecer a Gestão Ambiental Compartilhada (GAC). Com mais esta formação, a Sema amplia e fortalece a estruturação sistêmica da gestão ambiental local, em reconhecimento à importância de atuação dos municípios nessa área”, afirmou o secretário do Meio Ambiente, João Carlos Oliveira.

O diretor de Educação Ambiental da Sema, José Carlos Oliveira, explicou que a formação irá fortalecer a tomada de decisões dos gestores municipais da área ambiental. “Com este curso, os gestores e técnicos ambientais dos municípios baianos estarão aptos para atuarem de forma estratégica na promoção de formação de valores sobre educação e meio ambiente. A nossa proposta é aumentar os níveis de eficiência e eficácia no planejamento ambiental dos municípios, mediante a adoção de instrumentos e ferramentas de gestão do território que permitam o adequado posicionamento para os problemas socioambientais”, disse.

O curso será realizado através de transmissões ao vivo pela plataforma Teams. O estudante cumprirá duas horas aula por dia, ao longo de duas semanas. A carga horária restante está dividida entre elaboração e construção de um relatório/diagnóstico municipal e apresentação oral, a proposta alterna atividades pedagógicas síncronas e assíncronas.

“No ambiente virtual, o aluno encontrará o conteúdo das disciplinas, organizados em temas/webaulas. Para cada um deles, ele realizará um conjunto de atividades. Um professor/tutor apoiará as atividades realizadas, atendendo as dúvidas por meio de ferramentas de comunicação, como o chat e videoconferência”, explicou a coordenadora de Educação Ambiental da Sema, Cláudia Sisan. Para a obtenção do certificado, o aluno deverá ter uma frequência mínima de 75% e nota igual ou superior a 7 no trabalho entregue no final.

Os temas das aulas serão: Histórico e Conceitos Gerais de Meio Ambiente; História do Desenvolvimento Socioeconômico e Processos de Ocupação; Saneamento Ambiental; Problemas ambientais e Gestão Pública; Política de Meio Ambiente; Política de Recursos Hídricos; Planejamento ambiental e Ordenamento Territorial; Gestão ambiental e Instrumentos de Comando e Controle (licenciamento, fiscalização, monitoramento); Educação Ambiental; e Participação, Mediação e Controle social.

Fonte: Ascom/Sema

Milena Leal

Link

Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda PODCAST RBN

TENDÊNCIA