0

Foto: SDR

A abertura oficial do Terra Madre Brasil será nesta terça-feira (17), às 14h. O evento online inclui mais de 50 atividades, entre rodas de conversa, diálogos, oficinas do gosto e espaços educativos dedicados à cultura alimentar e será transmitido pelo Youtube do Slow Food Brasil.

O primeiro dia de evento será marcado por uma aula de cozinha e um bate-papo, que vai promover reflexões sobre conservação do bioma e terá como foco as riquezas da Caatinga baiana, como umbu, maracujá da Caatinga, farinha de mandioca, queijo meia-cura e a manta de bode.

Os ingredientes estarão presentes na Oficina do Gosto do Bioma Caatinga, marcada para as 17h30, com a presença da presidente da Cooperativa Agropecuária Familiar de Canudos, Uauá e Curaçá (Coopercuc), Denise Cardoso, e da cozinheira Bruna Moreira, especialista em charcutaria nordestina, que comanda a atividade culinária com o preparo da manta de bode acompanhada de pirão de leite cremoso e vinagrete de milho verde. Após o preparo da receita, elas participam de uma roda de conversa.

Segundo Bruna, o Nordeste, e principalmente as regiões do semiárido, sofrem um preconceito muito grande. “A fome, a miséria e a seca sempre foram os assuntos mais pautados. Nesse sentido, penso que estamos caminhando para uma mudança. Quando podemos levar nosso bioma em eventos como o Terra Madre, outros profissionais podem conhecer um pouco de nossa riqueza”, ressalta a cozinheira nordestina.

O pesquisador e ativista do Slow Food Brasil, Marcelo Terça-Nada, fará a mediação do evento. “Tive a sorte de viajar bastante pela Caatinga, conhecer de perto as comunidades de produtores e a variedade de paisagens que esse bioma surpreendente guarda. Talvez a maior lição foi ver que, ao contrário da imagem clichê que se difunde do sertão, a Caatinga é cheia de vida, riquezas e força. Ter contato com as pessoas que vivem ali e com tudo o que elas constroem e produzem nesse bioma é transformador. A Caatinga e seu povo são uma aula de resistência”, destaca.

A participação no evento é totalmente gratuita. Para fazer a pré-inscrição e participar dessa e de outras oficinas, o interessado deve acessar o site do Terra Madre e receberá receba por e-mail, com antecedência, a lista de ingredientes que serão utilizados por diversos cozinheiros e mixologistas em novos preparos e receitas próprias da cultura alimentar brasileira.

Fonte: Ascom/SDR

Luana Marinho

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

BB entra em índice de sustentabilidade da bolsa de Nova York

Artigo anterior

Bahia registra 712 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BA