0

Foto: Aline Valadares/Osba

Em dezembro, a Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), assim como muitos corpos sinfônicos pelo mundo, celebra os 250 anos de nascimento de L.V. Beethoven. Nesta quinta-feira (17), data do aniversário do compositor alemão, às 19h, no canal da Osba no YouTube, vai ao ar o vídeo do ‘OSBA em Casa #Virtual’, com quarteto de cordas da orquestra, formado pelos músicos Priscila Rato e Francisco Roa (violinos), Serghei Iurcik (viola) e Thomaz Rodrigues (violoncelo), interpretando ‘Quarteto de Cordas nº 4 em Dó menor, op. 18’, composta por Beethoven em 1801.

Nascido em 17 de dezembro de 1770, na cidade alemã de Bonn, Ludwig van Beethoven é um dos pilares na música ocidental, tendo sido responsável pela transição entre os rigores do classicismo e a fluidez do romantismo. Em 2019, a Sinfônica da Bahia iniciou dentro dos seus concertos o ‘Ciclo Beethoven’ com o objetivo de tocar para o grande público as nove sinfonias deste compositor. Sete delas foram realizadas ainda em 2019.

Em janeiro de 2020, no concerto ‘Verão da OSBA’, foi interpretada a Quinta Sinfonia, restando a Nona Sinfonia para ser interpretada assim que for seguro novamente para o público estar no teatro após a pandemia da Covid-19.

Ouvir estrelas

Unindo interesses multidisciplinares, a equipe de comunicação e do artístico se uniram para produzir mensalmente o mapa astral de compositores de música de concerto que fariam aniversário em cada mês. Trazendo aspectos da vida e obras desses músicos, o projeto aproxima o público do universo da música sinfônica com uma linguagem descontraída e ainda disponibiliza uma playlist no Spotify com as obras fundamentais desses compositores. Neste mês, o Ouvir Estrelas destaca Beethoven, celebrando os 250 anos de seu nascimento em 2020. O conteúdo vai ao ar também nesta quinta-feira (17).

A Osba, criada em 30 de setembro de 1982, é um corpo artístico do Teatro Castro Alves (TCA) e que teve o processo de publicização consolidado em abril de 2017. Desde então, a Associação Amigos do Teatro Castro Alves (ATCA) – entidade sem fins lucrativos qualificada como Organização Social (OS) – realiza a gestão da Osba, que permanece como corpo artístico público, sendo mantida com recursos diretos do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura (Secult).

Fonte: Ascom/Osba

Luana Marinho

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Brasil de Pelotas e Botafogo-SP ficam no 0 a 0

Artigo anterior

Mercosul adia novamente a revisão da Tarifa Externa Comum 

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BA