Conecte-se conosco

Saúde

Nenhuma cidade de São Paulo está com UTI lotada devido à covid-19

Publicado

em

Nenhuma cidade de São Paulo está com UTI lotada devido à covid-19

Pela primeira vez desde abril de 2020 nenhuma das 645 cidades do estado de São Paulo está com o índice de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) dedicadas ao tratamento da covid-19 em 100%. A taxa foi registrada pelo governo estadual ontem (21) e é considerada como um marco no resultado do avanço da vacinação e medidas de enfrentamento e prevenção ao novo coronavírus. Segundo os dados do governo, atualmente há 7.495 pessoas hospitalizadas com covid-19, sendo 3.842 em UTI e 3.653 em enfermarias.Nenhuma cidade de São Paulo está com UTI lotada devido à covid-19

De acordo com as informações de monitoramento do Censo Covid, realizado pelo governo estadual desde abril de 2020, em 30 de março de 2021, pico da segunda onda, chegou a 87 o número de cidades com ocupação integral dos leitos de Terapia Intensiva. Isto representa que, naquele contexto, 13% de todos os municípios de São Paulo estavam com a rede sobrecarregada.

“Este número chegou a ser quatro vezes maior no auge da segunda onda, ultrapassando 31 mil pacientes em leitos reservados para casos graves da doença. Naquele contexto, a taxa de ocupação de UTIs chegou a ultrapassar 92% no estado. Nesta data, é de 40,3% em todo o território paulista, e de 38,5% na Grande São Paulo”, diz o governo de São Paulo.

No decorrer da pandemia, houve 4.209.421 casos, dos quais 3.929.437 já estão recuperados, incluindo 437.819 que foram internados e receberam alta hospitalar. Houve 144.185 óbitos.

Flávia Albuquerque – Repórter da Agência Brasil

Link

Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Light Dark Dark Light