0

O Ministério da Saúde informa que iniciou nesta terça-feira (20) nova missão de combate à covid-19 e à malária junto a comunidades indígenas do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) Yanomami e Leste de Roraima.

Conforme o comunicado, a Secretaria Especial de Saúde Indígena (SESAI) e o Ministério da Defesa estão levando atendimento médico e insumos às populações indígenas residentes em áreas de fronteira do estado. Cerca de 4 mil indígenas das aldeias próximas ao Polo Base Auaris serão assistidos, receberão medicamentos, e testes para a detecção da covid.

“Essa é a 15ª missão interministerial para reforçar à assistência e auxiliar no enfrentamento à Covid-19 entre indígenas”, salienta a nota oficial.

Dados do Instituto Socioambiental contabilizam mais de 37 mil casos de infecção pelo novo coronavírus e 856 mortes, entre 158 povos em todo território nacional. Mas os dados oficiais do Ministério da Saúde mostram que já foram registrados desde o início da pandemia do novo coronavírus 31.457 casos confirmados de indígenas infectados pela covid-19, sendo que 27.056 estão recuperados e 465 resultaram em óbitos. Atualmente, 3.894 indígenas estão contaminados pelo vírus. 

*Texto alterado às 20h06 para acréscimo de informações do Ministério da Saúde. 

Por Agência Brasil

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

América-MG vence e assume vice-liderança da Série B

Artigo anterior

Governo disponibiliza ônibus elétricos e a gás no Subúrbio de Salvador e região metropolitana

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Saúde