Conecte-se conosco

BA

Governo do Estado lança revista em quadrinhos sobre combate ao racismo e incentivo à ciência

Publicado

em

Logo

Como parte das celebrações do Mês da História Negra nos Estados Unidos, as secretarias de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Educação (Sec) e Promoção da Igualdade (Sepromi) lançam a revista em quadrinhos “Entrevistas além do tempo”, no dia 21 de junho, com transmissão pelo canal da Secti Bahia no Youtube, a partir das 16h. A HQ, voltada para estudantes baianos, principalmente os de escolas públicas, foca na popularização da ciência e busca prevenir o racismo estrutural, que dificulta o acesso de jovens negros às carreiras científicas.

Escrita por Carlos Teixeira e desenhada por Vicente de Paulo Granieri, a publicação conta com o apoio da Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no Brasil e tem como alguns de seus personagens, cientistas brasileiros como Marcelle Soares-Santos (Universidade de Michigan), Rita de Cássia dos Anjos (UFPR), ganhadora do Prêmio L’Oréal-Unesco-ABC para Mulheres na Ciência, além de Alan Brito e Eliade Lima, que participarão do evento e responderão perguntas e questionamentos do público. Alan é professor de física da UFRGS e diretor-substituto do Observatório Astronômico. Já Eliade, da Unipampa, é coordenadora do Projeto Energéticas, do grupo do Pampae. Ambos são baianos, estudaram em escolas públicas e tiveram o interesse pela ciência despertado durante o colegial.

Ao longo do evento, que também contará com a participação dos autores da obra, diversos estudantes poderão entrevistar os convidados. Para a secretária da Secti, Adélia Pinheiro, esta revista marca um momento bastante significativo, com uma história regada à valorização do conhecimento. “É importante que estejamos sempre atentos no estímulo ao conhecimento da ciência como forma de possibilitar aos nossos jovens novos horizontes nas diversas áreas do conhecimento. Esta ação mostra que podemos fazer essa aproximação de forma leve, como através de histórias, aliando o incentivo à ciência ao combate ao racismo”, disse.

A narrativa acompanha três jovens, Miguel, Júlia e Arthur, que encontram a Rebô, uma personagem que vai construir uma máquina do tempo e os convida para um teste. Nesta jornada, eles conversam com diversos cientistas, inventores, bioquímicos, dentre outros. Para a titular da Sepromi, Fabya Reis, a ação é estratégica para fomentar o enfrentamento ao racismo através da comunicação direta com a juventude. “Além de incentivar a participação criativa e a inovação, esta iniciativa contribui de forma expressiva para a educação antirracista. Trata-se, também, de uma grande ação que está sendo materializada através da atuação transversal e integrada do Governo do Estado”.

O subsecretário de Educação do Estado, Danilo Melo, destacou a importância da iniciativa. “O governo da Bahia trabalha com a questão da diversidade e luta pela inclusão de toda comunidade na pauta pela ciência sem fronteiras, sem preconceitos e sem dogmas. Educar pela Ciência é libertar e transformar, como nos ensina Paulo Freire”, afirmou o gestor.

Fonte: Ascom/Secti

Milena Leal

Link

Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda PODCAST RBN

TENDÊNCIA