0

 

resumo em 3 tópicos

  • Operação Finados terá reforço do Policiamento Rodoviário Estadual, do DER, da ARTESP e das concessionárias nas rodovias do estado
  • As ações operacionais conjuntas começam nesta quinta-feira (29) e vão até segunda-feira (2)
  • Objetivo é garantir maior segurança e conforto aos usuários que forem viajar neste feriado prolongado

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (28) o início da Operação Finados, que conta com o reforço do Policiamento Rodoviário Estadual, do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (ARTESP) e das concessionárias nas rodovias do estado.

As ações operacionais conjuntas começam nesta quinta-feira (29) e vão até segunda-feira (2), com o objetivo de garantir maior segurança e conforto aos usuários que forem viajar neste feriado prolongado. Mesmo com a operação, o Governo de São Paulo reforça a importância de evitar viagens desnecessárias e a exposição ao risco de contaminação por COVID-19.

 

“Para garantir a segurança e o conforto dos usuários que forem viajar neste feriado prolongado, será mobilizada uma grande força operacional. Mas, apesar do feriado prolongado, é nosso dever orientar você, cidadão brasileiro de São Paulo, para ter todo cuidado com aglomerações, sobretudo no litoral do estado ou para onde você esteja planejando a sua viagem. Não esqueça a sua máscara e a use, a máscara protege, é sua garantia de vida até a chegada da vacina”, disse Doria.

Em média, 21,5 mil policiais vão reforçar diariamente as ações de patrulhamento ao longo dos 22 mil quilômetros de rodovias estaduais durante o feriado prolongado para evitar crimes e garantir a fluidez do trânsito em toda a malha rodoviária do estado. A operação utilizará ainda oito mil viaturas, 50 cavalos, 10 helicópteros, 12 drones, 386 guinchos e 200 ambulâncias, que serão distribuídos ao longo de 190 pontos estratégicos para o policiamento.

Os policiais rodoviários empenhados na ação realizarão testes de embriaguez e o motorista que for flagrado dirigindo sob a influência de álcool será multado e poderá ter o veículo apreendido. O condutor ainda poderá ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa, além de responder criminalmente.

Além disso, será intensificada a fiscalização de limites de velocidade, ultrapassagens e uso de cinto de segurança, assentos infantis e capacetes. Os efetivos do Comando de Policiamento de Choque (CPChq), Comando de Polícia de Aviação “João Negrão” (CAv) e territoriais também serão empregados nas orlas das praias.

Haverá o uso de megafones para reforçar a necessidade do distanciamento social em pontos específicos como praias, bares e restaurantes, como medida de proteção à COVID-19. A PM paulista também dará apoio à fiscalização das equipes de vigilância sanitária municipal e estadual.

Estradas

Além dos reforços operacionais e de fiscalização para atendimento aos usuários e monitoramento das rodovias mais movimentadas, as medidas visam minimizar os impactos causados pelo aumento do fluxo de veículos. Para isso, as rodovias estaduais contarão com o uso de drones, que permitem às equipes de campo um melhor tempo de resposta e tomadas de decisões, além de 1.818 câmeras de fiscalização, que abastecem os centros operacionais 24 horas por dia, e 551 sensores de tráfego.

Nas redes sociais, os órgãos do Governo do Estado vão divulgar os melhores horários para pegar a estrada e as condições de tráfego para permitir que os usuários se programem. Os painéis de mensagens variáveis (PMVs), espalhados pelas estradas de São Paulo, também passarão informações e alertas aos motoristas.

“É uma operação importante para garantir a qualidade das rodovias e a segurança da população. Todos os esforços com a Artesp, o DER e equipes da Polícia Rodoviária têm este objetivo, sobretudo neste momento que ainda estamos passando, em que menos acidentes de trânsito significam mais leitos livres para atender os pacientes do coronavírus”, afirma a Secretária interina da Secretaria Estadual de Logística e Transportes, Priscila Ungaretti.

Nas rodovias concedidas, sob regulação da ARTESP, os painéis eletrônicos vão divulgar mensagens de conscientização com recomendações do protocolo vigente da quarentena. “Mantemos o compromisso de oferecer a melhor prestação de serviço e atendimento nas rodovias para quem optar por viajar. Entretanto, é nossa obrigação relembrar a todos que estiverem nas estradas que ainda há um protocolo vigente de recomendação para evitar a contaminação da COVID-19”, diz Milton Persoli, Diretor-Geral da ARTESP.

As rodovias administradas pelo DER e as concedidas, sob fiscalização da ARTESP, contam também com recursos operacionais como 386 guinchos, 419 veículos de inspeção e 209 ambulâncias.

Fiscalização de transporte intermunicipal

Haverá ações operacionais conjuntas com DER, ARTESP, concessionárias e Polícia Rodoviária Estadual para garantir segurança e conforto, minimizar os impactos do aumento do fluxo de veículos e agilizar a remoção de interferências no trânsito.

Melhores horários para viajar

Os motoristas poderão planejar a sua viagem, escolhendo os horários de menor movimento. Na quinta-feira (29), a estrada estará mais livre entre 0h e 11h e 18h e 00h, já na sexta, este horário é entre 0h e 10h e no sábado, de 0h a 7h e 21h a 00h. No domingo, os melhores horários para viajar são de 0h a 8h e de 18h a 0h. No retorno, na segunda-feira, a dica é pegar a estrada entre 0h e 9h e 21h e 0h.

Travessias litorâneas

A Operação Finados 2020 também vai acontecer nas oito travessias litorâneas. Serão disponibilizadas 30 balsas, no total, além de monitoramento operacional e equipes de manutenção 24 horas, e informações em tempo real nos PMvs e no Aplicativo Travessias.

Ricardo Macario

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Nota de repúdio ao ataque ocorrido em Nice

Artigo anterior

Guarda Municipal monta operação especial com 424 agentes para o feriado de Finados

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em SP