0

Foto: Jaiane Santos

A Fundação Cultural do Estado (Funceb) está com dois editais abertos relacionados à dança, com abrangência estadual e nacional. Com inscrições até 11 de novembro, o Prêmio Dança para Infância – Processos de Criação Artística – 1ª Edição vai premiar quatro propostas de processos criativos realizados por artistas de dança da Bahia. Cada proposta selecionada receberá um prêmio no valor bruto de R$ 4 mil para subsidiar o processo de pesquisa.

Nesta premiação, pelo período de dois meses, os proponentes de projetos selecionados irão realizar pesquisas e experimentações, estabelecendo um processo de criação sob tutoria/orientação de um profissional do Balé do Teatro Castro Alves (BTCA) ou profissional do quadro de professores do curso Técnico da Escola de Dança da Fundação Cultural. As orientações e práticas formativas acontecerão por meio de plataformas virtuais gratuitas.

O intuito da premiação é fomentar ações formativas e incentivar processos de pesquisa e criação em Dança voltados para a infância, e serão selecionadas duas propostas do interior do estado e duas de Salvador e Região Metropolitana. O projeto tem o objetivo ainda de contribuir com processos criativos voltados para as crianças, reconhecendo-as como indivíduos autônomos, cidadãos e detentores de direitos. Podem participar do concurso pessoas a partir de 18 anos de idade.

Dança na Tela

Outro projeto com inscrições abertas na Funceb é o Dança na Tela – Mostra Baiana de Audiovisual em Dança. A ação vai selecionar 50 obras audiovisuais com temática em dança, de gênero Documentário (nos formatos de longa, média ou curta metragem) ou de gênero Vídeodança (formato livre), produzidas por profissionais da Bahia e de todo o Brasil.

Poderão concorrer obras audiovisuais com temática em dança de todo o estado da Bahia e do Brasil, que tenham sido produzidas entre os anos de 2010 e 2020. As inscrições devem ser feitas até 9 de dezembro, no site da Funceb. No momento da inscrição, o proponente já deve adicionar o link do vídeo completo da obra (youtube, vimeio, dailymotion, etc) para visualização da obra pela comissão de seleção.

As obras selecionadas serão exibidas em seis Mostras de Audiovisual em Dança, que vão ocorrer entre fevereiro e julho de 2021. “A intenção é estabelecer, além da veiculação, a difusão, memória e formação de público para essa vertente da dança. Também buscamos construir um acervo e possibilitar a preservação das produções audiovisuais em dança no estado da Bahia e de outros estados do Brasil, para que possam ser acessados a qualquer momento pelo público interessado, buscando potencializar a preservação e memória dessas produções”, explica a coordenadora de Dança da Funceb, Janahina Cavalcante.

Fonte: Ascom/Funceb

Luana Marinho

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Preço dos imóveis residenciais teve alta pelo segundo mês consecutivo,

Artigo anterior

Saúde mental masculina: como o câncer de próstata mexe com o psicológico dos homens?

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BA