0

Um dos pilares mais importantes para o desenvolvimento econômico da Bahia, a agropecuária tem recebido uma série de investimentos do Governo do Estado para continuar crescendo. Nos últimos cinco anos, mais de R$ 233 milhões foram aplicados no setor através da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura (Seagri), estimulando o desenvolvimento da produção. Em 2020, mesmo enfrentando os desafios da pandemia de Covid-19, os números do agronegócio baiano foram positivos e permitiram uma participação expressiva no PIB do Estado. De acordo com a Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), a atividade foi responsável por 24% de todas as riquezas geradas na Bahia.

Desde 2016, o Governo do Estado investiu R$ 163 milhões na aquisição de mais de 4 mil equipamentos entre maquinas pesadas, tratores agrícolas e implemento. Além disso, foram construídos centros de comercialização de animais e matadouros frigorífico nas regiões de Irecê, Bom Jesus da Lapa, Tremedal, Jânio Quadros, Crisópolis, Euclides da Cunha, Jitaúna, Maracás e Senhor do Bonfim. Além disso, também foi promovida a revitalização do distrito de irrigação Banzaê e Cícero Dantas e um convênio para a construção de 10 abatedouros de aves. Somadas essas obras totalizam mais de R$ 46 milhões em investimentos.

“A Seagri está trabalhando cada vez mais ao lado do produtor, investindo em obras como novos centros de comercialização, frigoríficos e abatedouros para ajudar cada vez mais a produzirem com quantidade e qualidade na Bahia. Realizamos uma distribuição maciça de equipamentos e vêm ajudando muito na logística de nossos produtos e na produção em si e captamos cerca de R$ 9 milhões para realizarmos a revitalização do nosso Centro Tecnológico Agropecuário da Bahia (Cetab)”, afirma o titular da pasta, Lucas Costa.

Nesse período ainda foram aplicados R$ 7 milhões em exposições agropecuárias e R$ 200 mil na implantação de projeto piloto de citrus no município de Tapiramutá. Atualmente a Seagri também está construindo o matadouro frigorífico de Morro do Chapéu.

Liderança

De acordo com números divulgados pelo Ministério da agricultura, a Bahia lidera o ranking dos Estados do Nordeste com os dados do Valor Bruto de Produção (VBP). Os números indicam que o agronegócio baiano irá movimentar R$ 36 em 2020, o que representa a melhor performance em toda a região e um acréscimo de 8,3% em relação ao ano passado, em que o VBP da Bahia ficou em R$ 33 bilhões.

Repórter: Tácio Santos

Pamela Simplício

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

IBGE revisa para 1,8% crescimento do PIB de 2018

Artigo anterior

Produção de veículos aumenta 7,4% em outubro, diz Anfavea

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BA