0

Foto: Divulgação

Até sexta-feira (4), a Bahia participa da 15ª edição do Festival das Cataratas. A feira de turismo e negócios é realizada em Foz do Iguaçu, no Paraná, na divisa do Brasil com a Argentina e o Paraguai, e visa à geração de negócios e divulgação de destinos, produtos e serviços turísticos.

Para um público especializado, formado principalmente por agentes de viagem, operadores e companhias aéreas, por exemplo, a equipe técnica da Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) vai apresentar os principais atrativos e diferenciais competitivos das 13 zonas turísticas estado. A apresentação ocorre na sexta-feira (4), às 15h. A equipe também fará atendimentos no estande da Embratur.

“É uma oportunidade de reunir os emissores do sul do país bem como países vizinhos, como a Argentina, que é o nosso maior mercado emissor de turistas estrangeiros, e mostrar o que temos de melhor e como estamos trabalhando para oferecer uma experiência de turismo seguro, especialmente nesse momento de pandemia da Covid-19”, explica o secretário de Turismo da Bahia, Fausto Franco.

Programação

Voltado para a geração de negócios, inovações tecnológicas e ações de responsabilidade socioambiental e de estímulo à produção e disseminação da ciência, o Festival das Cataratas oferece, além da feira e apresentações de destinos turísticos, uma série de qualificações para profissionais que atuam em diversos segmentos da cadeira do turismo, a exemplo de agências de viagens, operadoras de turismo, meios de hospedagens, companhias aéreas e instituições privadas e governamentais.

Nesta edição, dentre os temas estão ‘Protocolos de Biossegurança / Cases de Sucesso na pandemia’ e ‘Uma nova maneira de vender! Não perca para a internet’. Mais informações no site do evento.

Fonte: Ascom/Setur

Luana Marinho

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Governo do Estado atende trabalhadores resgatados em condições análogas à escravidão

Artigo anterior

Governo apresentará meta de déficit para 2021, diz Guedes

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em BA