Conecte-se conosco

Esportes

Chile supera Bolívia e consegue primeira vitória na Copa América

Publicado

em

O Chile derrotou a Bolívia por 1 a 0, no final da tarde desta sexta-feira (18) na Arena Pantanal, em jogo válido pela 2ª rodada do Grupo A da Copa América.

Com este triunfo, alcançado graças a gol do atacante Brereton, o Chile fica na liderança provisória da chave com quatro pontos. Já a Bolívia é a lanterna da chave com zero pontos em dois jogos.

Agora, os chilenos torcem para um empate do jogo das 21h (horário de Brasília) entre Argentina, com um ponto até agora, e Uruguai, que estreia no torneio. Os dois times da Bacia do Rio da Prata fazem o clássico sul-americano no fechamento da rodada no Mané Garrincha, em Brasília.

Apesar da derrota boliviana, o grande nome da partida foi o goleiro Carlos Lampe. Ele fez no mínimo cinco grandes defesas, evitando que o placar fosse ainda mais elástico nos 45 minutos iniciais. A primeira delas foi aos três minutos. Após cobrança de escanteio de Aranguiz, Meneses bateu de primeira e Lampe voou no canto direito para salvar a Bolívia.

Porém, aos nove minutos o Chile abriu o placar, quando Brereton aproveitou a dividida entre Vargas e a zaga boliviana para chutar forte rasteiro da entrada da área. Aos 14, o camisa 22 voltou a finalizar com perigo, ao se antecipar e cabecear forte para o gol. Seria o segundo chileno, mas Lampe entrou em ação novamente para fazer outra grande defesa.

Aos 15, Pulgar bateu colocado no ângulo. O goleiro boliviano, atento, fez outra bela defesa. No minuto seguinte, ele salvou conclusão de Meneses. Aos 22, Brereton ficou novamente perto de marcar após passe de Eduardo Vargas. O jogador do Atlético-MG teve duas oportunidades aos 35. Às costas do zagueiro Justino, Vargas fica cara a cara com Lampe e chutou forte para bela defesa do boliviano. Na volta, sozinho, ele chutou para fora. Dois minutos depois, foi a vez de Meneses desperdiçar mais uma chance.

No retorno do intervalo, o cenário do jogo mudou um pouco. Com o placar favorável, o Chile reduziu o ritmo e a Bolívia conseguiu chegar com algum perigo. Logo no primeiro minuto, Saavedra bateu de fora da área, mas o goleiro Bravo encaixou. Aos 10, Saavedra chegou com perigo de novo, quando, após jogada pela direita, bateu forte de perna direita para defesa de Bravo.

Aos 27 minutos, o lateral Bejarano finalizou de dentro da área e o goleiro chileno ficou só na torcida acompanhando a bola passar raspando a trave. Aos 34, mais uma vez Cláudio Bravo só torceu, quando Bejarano teve nova oportunidade. Já na reta final da partida, aos 47, o Chile marcou o segundo gol com Eduardo Vargas, mas o lance foi corretamente anulado por impedimento.

O próximo jogo do Chile será na próxima segunda-feira (21), contra o Uruguai, na Arena Pantanal. A Bolívia volta a atuar apenas na quinta-feira (24), contra o Uruguai, também em Cuiabá.



Juliano Justo – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional

Link

Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda PODCAST RBN

TENDÊNCIA