0

O domingo (20) foi dourado para os atletas paralímpicos Alessandro Rodrigo da Silva, do lançamento de disco e arremesso de peso (F11), e Michel Gustavo, do salto em distância (T47). Os brasileiros conquistaram três medalhas no Aberto Internacional de Paratletismo de Freital (Alemanha). Esta foi a primeira competição oficial de ambos este ano, já que todo o calendário de provas no Brasil foi suspenso, ainda em março, pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Já classificado à Paralimpíada de Toquio (Japão), Alessandro da Silva, foi soberano em duas modalidades.  Na primeira disputa do dia do arremesso de peso, ele obteve a melhor marca válida – 13,18 metros – e faturou o ouro. Na sequência, voltou para o lançamento de disco, em que o brasileiro detém recorde mundial. E mais uma vez, Alessandro brilhou: venceu a prova com a marca de 43,38 m e o segundo ouro do dia. 

No salto em distância, Michel Gustavo, que ainda busca o índice paralímpico (7,14 m) para se garantir nos Jogos de Tóquio, conquistou o ouro ao vencer a prova com a marca de 6,44 m. 

Na pontuação final do torneio, Alessandro foi premiado como melhor atleta do evento, e Michel ficou na segunda colocação na pontuação geral. Esta foi a primeira competição oficial de ambos em 2020, já que todo o calendário de provas no Brasil foi suspenso, ainda em março, pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19).



Juliano Justo – Repórter da TV Brasil e Rádio Nacional

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Internações caem, mas mortes e casos por covid-19 crescem em SP

Artigo anterior

Câmara aprova MP que reajusta salário de policiais e bombeiros do DF

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Esportes