0

Depois da derrota do Inter por 2 a 0 para o Santos, o Atlético Mineiro dependia apenas de si para retomar a liderança do Campeonato Brasileiro. Precisava vencer o Corinthians na Neo Química Arena, em São Paulo, na noite de sábado (14). E conseguiu. Mas não foi fácil. Aos cinco minutos da primeira etapa, o Corinthians saiu na frente. Luan, na meia esquerda, cruzou para Ramiro. O ex-jogador do Grêmio ajeitou e o garoto Davó não perdoou. Só que antes mesmo do gol já teve polêmica. O zagueiro Gil foi vencido na velocidade pelo atacante atleticano Vargas. O chileno, que estava estreando, caiu na área. Muita reclamação, mas o árbitro Rodrigo Dalonso Ferreira nem analisou o VAR. Mandou o lance seguir.

O empate do Galo só foi sair aos 15 da etapa final. Em bela troca de passes, Eduardo Vargas tocou de calcanhar para o lateral Guilherme Arana. O ex-jogador do Corinthians ficou cara a cara com Cássio e fuzilou o gol do Corinthians. Aos 37, os mineiros tiveram força para virar o jogo. Keno recebeu na direita, limpou Cafu e cruzou para Marrony fazer 2 a 1. Vitória fundamental que coloca a equipe do técnico argentino Jorge Sampaoli na liderança do campeonato nacional com 38 pontos. O Corinthians é o nono com 26 pontos. O próximo desafio dos paulistas será o Grêmio, em São Paulo, no domingo (22). O Galo pega o Ceará no mesmo dia.

SÃO PAULO VOLTA DO NORDESTE COM PRECIOSOS 3 PONTOS

Na Arena Castelão, o São Paulo venceu o Fortaleza por 3 a 2. Apesar do Tricolor paulista ter sido melhor durante praticamente todo o jogo, os cearenses saíram na frente. Aos 11, David ganhou da zaga e venceu o goleiro Tiago Volpi. Mas a arbitragem só confirmou o gol depois de três minutos de análise ao VAR. Aos 39, Rodrigo Nestor fez uma bela jogada e foi derrubado na entrada da área. O Gabriel Sara bateu e fez. São Paulo e Fortaleza empatavam em 1 a 1.

Na etapa final, teve gol do Fortaleza anulado pelo VAR aos oito minutos. Gol do São Paulo marcado pelo atacante Luciano aos 15 minutos e confirmado pelo VAR somente aos 19. Aos 28, Welligton Paulista aproveitou o rebote e empatou. Mas, aos 36, o Luciano confirmou a excelente fase e marcou outra vez. Vitória tricolor: 3 a 2.

A vitória manteve o Tricolor paulista em situação privilegiada. Atualmente, é o terceiro com 36 pontos, mas pelo aproveitamento é líder (com 66,7%), já que tem três jogos a menos que a maioria dos rivais. O Fortaleza está no meio da tabela (décimo segundo com 25 pontos). No domingo (22), o São Paulo pega o Vasco no Morumbi e o Fortaleza visita o Botafogo.

GRÊMIO DOMINA O CEARÁ, VENCE E EMBALA NO BRASILEIRO

Na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, o Tricolor gaúcho voltou a fazer uma boa atuação. Com um primeiro tempo envolvente, o Grêmio fez 4 a 2 no Ceará. Contando Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores, a equipe do técnico Renato Gaúcho chegou à sétima vitória seguida.

O primeiro gol veio em belíssima cobrança de falta de Jean Pyerre aos 19 minutos. Pepê também deixou o dele. Foi aos 32. Kelvyn ainda fez para o Ceará em chute despretensioso de longe aos 36 minutos. Mas apenas três minutos depois, os gaúchos acabaram com a reação do Vozão. Em contra-ataque, Luiz Fernando deixou Diego Souza livre para fazer.

No segundo tempo, em ritmo de treino, o Tricolor ainda marcou mais um. Churín de cabeça. Foi o primeiro do argentino pelo Grêmio. Aos 47, o Ceará ainda teve tempo de descontar com o zagueiro Tiago. Placar fechado em 4 a 2.

Com o resultado, o Grêmio chegou aos 33 pontos (na sexta posição). Mas, com o confronto direto entre Palmeiras e Fluminense, que começa às 21h30, o Tricolor gaúcho vai ser ultrapassado por um deles e finalizará a rodada em sétimo. O Ceará está em décimo terceiro com 24 pontos. No domingo (22), o Grêmio visita o Corinthians. O Ceará recebe o Atlético Mineiro. Mas, no meio de semana, eles jogam pela Copa do Brasil. O Grêmio recebe o Cuiabá e o Ceará tem o Palmeiras pela frente em Fortaleza.

FURACÃO VENCE EM GOIÂNIA

O Athletico-PR venceu o Goiás por 1 a 0 neste sábado (14) e confirmou a segunda vitória consecutiva. Reação que tirou a equipe de Curitiba da zona de rebaixamento de forma parcial, já que a manutenção dessa posição depende de resultados parelelos. Atualmente, a equipe está na 16ª posição com 22 pontos.

O gol do jogo foi do centroavante Renato Kayzer, aos 19 da etapa inicial. O Goiás segue na lanterna com apenas 12 pontos e não vence a 11 jogos. No sábado (21), o Goiás recebe o Palmeiras. O Furacão joga contra o Santos na Arena da Baixada.



Juliano Justo – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional

Link

Redação
Leia no Portal RBN como mais notícias do Brasil e do mundo sobre: ​​Entretenimento, Esportes, Vida, Jogos, Cultura e muito mais! https://portalrbn.com.br

Alison/Álvaro e Guto/Arthur decidem etapa no Circuito Nacional

Artigo anterior

Flamengo sai na frente, mas cede o empate para o Atlético-GO no Maraca

Próximo artigo

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Esportes